& vbCrLfFrase da barra de menu desktop
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Vagner Love quer encerrar carreira no Corinthians, Ralf quer renovar

 
       
 

em fim de empréstimo, Danilo Avelar também manifesta desejo de permanecer no Timão

 
  Por:

Voz da Fiel

22/04/2019 17:29:12  
       
 
 
 
       
   Vagner Love quer encerrar carreira no Corinthians, Ralf quer renovar   
  Foto: Bruno Cassucci/Globo Esporte  
       
  Um dia após conquistarem o tricampeonato paulista, jogadores do Corinthians comentaram o futuro no clube e falaram sobre negociações em andamento.

Foi o caso de Danilo Avelar, cujo empréstimo está perto do fim, Ralf, que tem contrato até o fim do ano, e Vagner Love, autor do gol do título sobre o São Paulo.

Embora seja quem tem o contrato mais longo com o Corinthians, Vagner Love foi o mais empolgado na entrevista e, com bom humor, mandou um recado ao presidente Andrés Sanchez.
 
      
 

 
  –Eu tenho contrato até o final do ano que vem. Se o presidente quiser já renovar agora, a gente está aí, né?! (risos) Ó eu jogando a isca, vai que ele morde (risos). O presidente Andrés Sanchez, se quiser renovar, estou aí para renovar mais um ano, dois, três... Se puder encerrar a carreira no Corinthians, eu quero muito – declarou.

Mais comedido, Ralf também mostrou otimismo sobre a sua permanência no Timão. O volante já foi avisado pela diretoria alvinegra que haverá em breve uma reunião com o empresário dele para discutir um novo contrato.
 
 

 
  – Ainda não conversamos. Tive uma conversa prévia no decorrer do Campeonato Paulista e acho que nos próximos dias devem estar chamando, até porque tinham outros jogadores que estavam falando sobre renovação. O Duílio (Monteiro Alves, diretor de futebol) e o presidente falaram comigo, nos próximos dias devem chamar pra conversar

Danilo Avelar tem a permanência encaminhada. O Corinthians tem até julho para exercer a compra do atleta e negocia com o Torino, da Itália, um desconto no valor fixado em contrato, que é de aproximadamente R$ 6,5 milhões.

Questionado sobre sua vontade de ficar no Timão, o lateral-esquerdo declarou:

– Onze. Se depender de mim, sempre.
 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: Bruno Cassucci (Globo Esporte)