& vbCrLfFrase da barra de menu desktop
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Última final entre Corinthians e São Paulo aconteceu em 2013, relembre

 
       
 

o Timão venceu os dois jogos da decisão: 2 a 1 no Morumbi; e 2 a 0 no Pacaembu

 
  Por:

Voz da Fiel

09/04/2019 16:19:18  
       
 
 
 
       
   Última final entre Corinthians e São Paulo aconteceu em 2013, relembre   
  Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians  
       
  Na noite da última segunda-feira (08), no estádio do Pacaembu, o Corinthians eliminou o Santos e se classificou para a decisão do Campeonato Paulista de 2019. O Timão enfrentará o São Paulo na grande final. A última vez que um título foi definido no clássico Majestoso aconteceu em 2013, na Recopa Sul-Americana.

Campeão – invicto – da Copa Libertadores da América em 2012, o Corinthians enfrentou o São Paulo, que havia ganhado a Copa Sul-Americana na mesma temporada. Assim como acontecerá este ano, o primeiro jogo foi disputado no estádio do Morumbi.

Duelo inicial

Comandado pelo técnico Tite, o Corinthians começou o confronto da noite de 03 de julho com Cássio, Edenílson, Gil, Paulo André e Fábio Santos; Ralf, Guilherme e Danilo. Romarinho, Émerson Sheik e Guerrero. Durante a partida, Douglas, Renato Augusto e Íbson também entraram em campo.
 
      
 

Última final entre Corinthians e São Paulo aconteceu em 2013, relembre

 
  Com a bola rolando, o Timão dominou grande parte do Majestoso mesmo jogando no estádio do adversário. Aos 28 minutos, Guerrero tocou para Romarinho. O atacante arrancou pela esquerda, avançou até o fundo, driblou um marcador são paulino e cruzou rasteiro. Émerson Sheik chegou para finalizar, mas foi travado. A bola sobrou para o peruano que, na entrada da pequena área, chutou para abrir o marcador.

No começo do segundo tempo, o São Paulo chegou ao empate com Aloísio. O Corinthians não se abateu e voltou a pressionar em busca da vitória. Aos 30 minutos, após lindo lançamento de Fábio Santos, Renato Augusto dominou com categoria, bateu de longe para fazer um golaço de cobertura e dar números finais ao jogo: 2 a 1.
 
 

 
  Segunda partida

Com mando do Corinthians, o duelo decisivo foi disputado na noite de 17 de julho, no estádio do Pacaembu. Mais uma vez comandado por Tite, o Timão começou a partida com Cássio, Edenílson, Gil, Paulo André e Fábio Santos; Ralf, Guilherme e Danilo; Romarinho, Émerson Sheik e Guerrero. Renato Augusto, Alexandre Pato e Íbson entraram no decorrer do jogo.

Assim como no primeiro confronto, o Corinthians dominou o adversário. Empurrado por mais de 36 mil torcedores, o Timão abriu o placar ainda na etapa inicial. Edenílson deu ótimo lançamento para Émerson Sheik, que dominou dentro da área e cruzou rasteiro para Guerrero. O atacante peruano, quase na entrada da pequena área, bateu, mas foi travado. Na sobra, Romarinho empurrou para o gol.
 
 

Última final entre Corinthians e São Paulo aconteceu em 2013, relembre

 
  Aos 24 minutos do segundo tempo, o Corinthians fechou a conta. Após bela jogada de Fábio Santos e Guerrero pela esquerda, o lateral cruzou e Danilo, de cabeça, finalizou. Rogério Ceni espalmou, mas, na sobra, o próprio camisa 20 fuzilou para fazer o segundo gol do Timão. Após o término da partida, o meia ainda teve a honra de levantar o troféu como capitão corinthiano.  
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: Corinthians