Aqui é o lugar onde a Fíel Torcída é ouvída de verdade

       
 

Timão luta, mas é superado pelo Vasco e se despede da Copinha

 
       
  Segundo o Corinthians,

após buscar empate no tempo normal, Timão foi derrotado nos pênaltis

 
  Por:

Voz da Fiel

23/01/2019 07:44:55  
       
 
 
 
       
     
  Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians  
       
  Nesta terça-feira (22), na Arena Barueri, o Corinthians foi derrotado pelo Vasco na semifinal da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Após sair atrás, o Alvinegro buscou o empate no tempo normal (2 a 2), com dois gols de Nathan. Nas penalidades, porém, o Timão foi superado por 4 a 3 e se despediu da competição.

Timão escalado

O Corinthians, de Eduardo Barroca, foi a campo em Barueri com Diego, Igor, Ronald, Jordan e Caetano; Du, Roni e Fabricio Oya, Janderson, Rafael Bilu e Nathan. À disposição, no banco, estavam Guilherme, Franklin, Daniel Marcos, Gustavo Mantuan, Rafinha, Adson e João Celeri.

O jogo

A partida começou muito equilibrada em Barueri. Logo aos 2 minutos, Janderson fez boa jogada pela esquerda e cruzou, mas a bola passou por toda a grande área da equipe vascaína. Em seguida, após nova tentativa, o camisa 7 foi desarmado por Tenório. Em uma de suas primeiras oportunidades no jogo, o Vasco abriu o placar com Thiago Reis.

Aos 16, Janderson fez cruzamento pela direita, mas a bola passou por Nathan. Um minuto depois, o Vasco ampliou com Miranda. Precisando reagir, Eduardo Barroca fez a primeira mudança no Corinthians, colocando Rafinha, mais avançado, no lugar de Du.
 
      
 
 
 
  Com 29 da primeira etapa, o Timão trocou passes até a bola chegar para Rafael Bilu, que dominou e arriscou da entrada da área, mas a bola desviou na zaga e foi para fora. No minuto seguinte, após cobrança de escanteio, Caetano cabeceou e a bola sobrou para Janderson que, de bicicleta, quase fez o primeiro do Corinthians.

Aos 38, a melhor chance do Alvinegro: Janderson dividiu com o marcador, avançou pela esquerda e cruzou para Nathan que, na pequena área, não conseguiu finalizar. O camisa 18 do Timãozinho se redimiu, porém, no último minuto da primeira etapa, quando aproveitou bate e rebate na área, após cobrança de escanteio, para diminuir o placar.

Logo no início da segunda etapa, a arbitragem marcou pênalti de Jordan em João Pedro, mas Lucas Santos cobrou por cima do gol de Diego, para delírio da Fiel em Barueri. Em seguida, Igor fez boa jogada pela direita e chutou forte, de fora da área, mas o goleiro Alexander espalmou para escanteio. Na cobrança, a bola passou por toda a grande área e sobrou para Rafael Bilu. O atacante encontrou Nathan que, de peixinho, empatou a partida.

Aos 25, Nathan e Rafael Bilu deram lugar a Gustavo Mantuan e João Celeri. Na sequência, Fabricio Oya fez boa jogada e bateu colocado, de fora da área, para quase anotar o terceiro do Timão em Barueri. O jogo era lá e cá. Após dois ataques vascaínos, Fabricio Oya cobrou falta, pela esquerda e o goleiro do Vasco afastou.

Após a igualdade nos 90 minutos, a decisão da vaga foi para os pênaltis. Oya, Caetano e Mantuan converteram as cobranças, mas Rafinha e João Celeri pararam na trave e o Vasco derrotou o Alvinegro por 4 a 3.