& vbCrLfFrase da barra de menu desktop
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Relembre os técnicos campeões brasileiros pelo Timão

 
       
 

seis treinadores conquistaram o torneio no comando do Corinthians

 
  Por:

Voz da Fiel

28/04/2019 13:15:31  
       
 
 
 
       
   Relembre os técnicos campeões brasileiros pelo Timão   
  Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians  
       
  Neste domingo (28), o Timão enfrenta o Bahia, às 16h, na Fonte Nova. O duelo em Salvador marca a estreia do Corinthians no Campeonato Brasileiro de 2019. Este ano o Alvinegro busca conquistar seu oitavo título nacional.

O técnico Fabio Carille busca vencer seu segundo título da competição. Até hoje, apenas Tite conseguiu vencer dois campeonatos brasileiros treinando o Alvinegro. Nelsinho Baptista, Vanderlei Luxemburgo, Oswaldo de Oliveira e Antônio Lopes foram os outros treinadores que conquistaram um Brasileirão com o Timão.

Confira a campanha de cada treinador.
 
      
 

 
  Nelsinho Baptista

Em 1990, Nelsinho Baptista assumiu o Corinthians na terceira rodada do Campeonato.

Sua primeira vitória na competição foi contra o Palmeiras na quarta rodada. Depois dessa partida, o Alvinegro engatou uma sequência de 11 jogos invictos e se classificou para o mata-mata.

Nas quartas de final, o Timão bateu o Atlético Mineiro por 2 a 1 no Pacaembu, com dois gols de Neto. O segundo jogo foi no Mineirão, com um empate em 0 a 0, o Corinthians se classificou para a semifinal da competição.

Na semifinal, O Alvinegro bateu o Bahia no Pacaembu, com mais um gol de Neto. No segundo jogo, o Corinthians novamente segurou o empate e se classificou para a final.

Na decisão, o Corinthians bateu o São Paulo duas vezes por 1 a 0. No primeiro jogo, Wilson Mano fez o gol e na grande decisão Tupãzinho garantiu o título. Na soma dos resultados, o Corinthians se sagrou campeão brasileiro pela primeira vez.

Durante toda campanha, o Corinthians de Nelsinho disputou 25 partidas e somou 12 vitórias, oito empates, cinco derrotas, 23 gols marcados e 20 sofridos.
 
 

 
  Vanderlei Luxemburgo

Em 1998, O Timão venceu o Campeonato Brasileiro jogando um futebol vistoso. O treinador montou um elenco recheado de ótimos jogadores como Gamarra, Sylvinho, Vampeta, Rincón, Marcelinho Carioca, Ricardinho, Edilson, entre outros.

O Alvinegro sobrou na primeira fase da competição. Colecionando vitórias, o Corinthians terminou líder da fase de grupos com 46 pontos em 23 jogos.

Nas quartas de final, o Timão enfrentou o Grêmio. O Alvinegro venceu a primeira partida no Olímpico por 1 a 0. No segundo jogo, os gaúchos venceram no Pacaembu por 2 a 0. No decisivo terceiro jogo, o Alvinegro empatou por 1 a 1 com gol de Edilson e passou para semi.

Na semifinal, o Corinthians enfrentou o Santos. No primeiro jogo, o Timão perdeu para o rival por 2 a 1, na Vila Belmiro. No segundo jogo, o Corinthians venceu por 2 a 0, gols de Edilson e do Pé de Anjo. No terceiro jogo, o time treinado por Vanderlei Luxemburgo empatou e se classificou para a final do Campeonato Brasileiro.

O Corinthians enfrentou o Cruzeiro na grande final. Na primeira partida, o Timão empatou. Na segunda partida, o Alvinegro abriu o placar com Marcelinho Carioca, mas os mineiros empataram, exigindo uma terceira partida. No terceiro jogo, o time comandado por Luxemburgo venceu por 2 a 0, com gols de Edilson e Marcelinho Carioca, e conquistou o segundo título brasileiro.

Ao fim do campeonato, o Timão disputou 32 partidas e somou 18 vitórias, sete empates, sete derrotas, 56 gols marcados e 38 sofridos.
 
 

 
  Oswaldo de Oliveira

Em 1999, Oswaldo de Oliveira assumiu o Corinthians. No ano anterior, o treinador trabalhava na comissão de Vanderlei Luxemburgo.

O Timão manteve a base do ano anterior e fez uma ótima campanha na primeira fase. O time venceu 14 partidas, empatou duas vezes e teve cinco derrotas. O Corinthians terminou a fase em primeiro lugar e se classificou para enfrentar o Guarani no mata-mata.

Nas quartas de final, o Timão empatou em 0 a 0 o primeiro jogo contra a equipe campineira. No segundo jogo, o Alvinegro venceu por 2 a 0 e se classificou para a semifinal após novo empate na terceira partida. Na semifinal, o Timão encarou um clássico contra o São Paulo. Em duas partidas memoráveis, o Corinthians venceu o São Paulo por 3 a 2 na primeira partida e por 2 a 1 no segundo jogo. Com o resultado o Alvinegro se classificou para a final contra o Atlético Mineiro.

Na final, o Timão perdeu a primeira partida no Mineirão por 3 a 2. No segundo jogo, Luizão brilhou e marcou dois gols na vitória por 2 a 0 para o Corinthians. No terceiro jogo, os corinthianos comemoraram o terceiro título brasileiro após empate em 0 a 0.

Antônio Lopes

Em 2005, o Alvinegro conquistou o seu primeiro título brasileiro na era dos pontos corridos. Com uma equipe recheada de craques, o treinador Antônio Lopes comandou o Corinthians na campanha do Tetra.

Durante o campeonato, o Corinthians teve 24 vitórias, nove empates e nove derrotas, com 87 gols marcados e 59 gols sofridos. Ao fim do campeonato, o Corinthians conquistou o título com 84 pontos.

Um dos jogos mais marcantes do campeonato foi a vitória por 7 a 1 contra o Santos. No Pacaembu, Tevez (3x), Nilmar (2x), Rosinei, Jô e Marcelo Mattos fizeram os gols que garantiram a goleada, eterna no coração corinthiano.
 
 

 
  Tite

Treinador multicampeão pelo Alvinegro, Tite começou sua galeria de títulos com o Campeonato Brasileiro de 2011.

Após um início de torneio arrasador, com oito vitórias e um empate nas primeiras nove rodadas, o Alvinegro construiu uma campanha sólida e se manteve nas primeiras posições da tabela do início ao fim. A equipe terminou como a melhor defesa do torneio com 36 gols sofridos em 38 jogos.

A taça veio em um clássico contra o Palmeiras, após empate por 0 a 0 o Corinthians conquistou o pentacampeonato. Em 2015, já campeão do Mundial e da Libertadores pelo Timão, Tite retornou ao comando da equipe depois de um 2014 sabático. Diferente do ano do penta, a equipe dessa temporada era conhecida pelo ótimo desempenho ofensivo.

O time titular era formado por Cássio, Fagner, Gil, Felipe e Uendel; Ralf, Elias, Renato Augusto e Jadson; Malcom e Vagner Love. Essa equipe conquistou o Campeonato Brasileiro com 81 pontos, um recorde de pontuação no atual formato de pontos corridos com 20 times. Ao final do torneio, o Timão venceu 24 partidas, empatou nove e perdeu apenas cinco vezes. O time também teve o melhor ataque da competição com 71 gols feitos e a melhor defesa com apenas 31 gols sofridos.

O Corinthians levantou a taça daquele ano em um clássico contra o São Paulo. O Alvinegro goleou o rival por 6 a 1 na Arena Corinthians e consagrou aquele grupo vitorioso.
 
 

 
  Carille

O Timão iniciou o ano de 2017 em reconstrução. Fábio Carille, membro da comissão técnica do Corinthians, assumiu o time no começo do ano. Além do treinador, a equipe trouxe de volta o centroavante Jô, revelado pelo Timão, entre outros jogadores.

No início do ano, a opinião pública colocava o Alvinegro como quarta força entre os times do estado de São Paulo. Ao contrário do que diziam, aquele foi o ano em que o Corinthians teve um de seus times mais fortes.

No começo do ano o treinador comandou a equipe na conquista de seu 28° título paulista, só o começo de uma temporada marcante. O Timão fez o melhor primeiro turno da história do Campeonato Brasileiro em pontos corridos, pela primeira vez, um time passou as primeiras 19 partidas da competição invicto.

O Alvinegro conquistou o título no dia 15 de novembro de 2017, em uma vitória por 3 a 1 contra o Fluminense, na Arena Corinthians.

Ao final do Campeonato, o Timão encerrou a competição com 21 vitórias, nove empates e oito derrotas. A equipe teve a melhor defesa da competição, com 30 gols sofridos e marcou 50 gols. Além disso, o atacante corinthiano Jô foi o artilheiro da competição com 18 gols marcados, ao lado de Henrique Dourado do Fluminense.
 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: Corinthians