& vbCrLfFrase da barra de menu desktop
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Ralf chega a 400 jogos e entra em seleta lista de ídolos do Timão

 
       
 

o volante de 34 anos tem 54% de aproveitamento diante dos principais rivais

 
  Por:

Voz da Fiel

29/03/2019 09:21:25  
       
 
 
 
       
   Ralf chega a 400 jogos e entra em seleta lista de ídolos do Timão   
  Foto: Reprodução/Internet/Voz da Fiel  
       
  Apenas 11 dias depois de Cássio chegar à marca de 400 jogos pelo Corinthians, será a vez de Ralf alcançar o número.

Aos 34 anos, o volante provavelmente será homenageado com placa e camisa comemorativa pela direção no vestiário da Arena Corinthians, domingo, antes do duelo com o Santos, marcado para 16h, pelas semifinais do Paulistão.

A TV Globo transmite a partida, com narração de Cleber Machado e comentários de Casagrande e Caio Ribeiro.
 
      
 

 
  A lista dos jogadores que atingiram as 400 partidas pelo Corinthians tem apenas 17 jogadores.

São eles: Wladimir (805), Luizinho (606), Ronaldo (602), Zé Maria (598), Biro-Biro (590), Vaguinho (551), Cláudio (550), Olavo (506), Rivellino (474), Idário (469), Rafael (451), Roberto (451), Marcelinho Carioca (433), Oreco (409), Wilson Mano (405), Baltazar (404) e Cássio (402).

A partida de domingo será o clássico de número 67 do volante. O desempenho diante de Santos, São Paulo e Palmeiras é bom: 29 vitórias, 20 empates e outras 17 derrotas. Aproveitamento de 54% dos pontos disputados.
 
 

 
  Veja os números em clássicos:

Ralf contra o Santos (23 jogos)

• 7 vitórias
• 8 empates
• 8 derrotas

Ralf contra o Palmeiras (18 jogos):

• 9 vitórias
• 6 empates
• 3 derrotas

Ralf contra o São Paulo (25 jogos)

• 13 vitórias
• 6 empates
• 6 derrotas
 
 

Ralf chega a 400 jogos e entra em seleta lista de ídolos do Timão

 
  Com duas passagens (a primeira de 2010 a 2015 e a segunda a partir de 2018), o jogador soma nove gols pelo Timão. Dois deles em clássicos. O primeiro justamente contra o Santos, numa vitória do Timão no Pacaembu por 4 a 2, no Brasileirão de 2010.

O segundo e mais recente foi diante do São Paulo, num empate por 1 a 1 no Brasileirão de 2018. O gol, aliás, foi o último marcado por Ralf, em novembro do ano passado.
 
 

 
  E o contrato?

Com vínculo até dezembro, Ralf ainda não foi procurado pelo Corinthians para tratar de sua renovação. Assim, ele pode assinar pré-contrato com qualquer clube a partir de julho. Isso, porém, dificilmente aconteceria. Ídolo da torcida, Ralf já admitiu o desejo de se aposentar no Timão.

– Tudo indica que devo encerrar aqui no Corinthians, é o que eu quero – disse, em 2018.

Pelo Corinthians, Ralf tem sete títulos: dois de Paulistão (2013 e 2018), dois de Brasileirão (2011 e 2015), além de um de Libertadores (2012), Mundial (2012) e Recopa Sul-Americana (2013).

E com um detalhe: o volante nunca foi expulso com a camisa do Timão.
 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: Marcelo Braga (Globo Esporte)