& vbCrLfFrase da barra de menu desktop
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Pedrinho aposta em espírito vencedor do Corinthians

 
       
 

o meia-atacante de 20 anos já conquistou quatro títulos pelo profissional do Corinthians e estreia no Brasileirão 2019 neste domingo, contra o Bahia, em Salvador

 
  Por:

Voz da Fiel

28/04/2019 08:03:33  
       
 
 
 
       
   Pedrinho aposta em espírito vencedor do Corinthians   
  Foto: Luis Moura/Lance  
       
  Aos 20 anos, Pedrinho inicia a disputa de seu terceiro Campeonato Brasileiro pelo Corinthians neste domingo, contra o Bahia, na Arena Fonte Nova. Apesar de jovem, o meia-atacante já tem três títulos como profissional: três paulistas e um brasileiro. É por isso que ele destaca o "espírito vencedor" do Timão nas últimas temporadas.

- Acho que venho tentando crescer o máximo. O Corinthians sempre foi forte, independentemente de qual campeonato é, a gente sempre entra para vencer. Com esse espírito de vencedor, vamos chegar a lugares grandes - disse Pedrinho.
 
      
 

 
  Pedrinho alternou entre titular e reserva nestes primeiros meses de 2019, mas vem sendo a primeira opção do técnico Fábio Carille para a ponta direita. O treinador já fez cobranças públicas para Pedrinho "entrar na área", algo que o jogador não fazia na base porque atuava como meia.

- Sempre falei que não tenho preferência em onde atuar. Claro que sempre atuei como meia na base, e por isso gosto de atuar pelo meio. De ponta, venho aprimorando minha força e minha técnica, porque aqui no Corinthians não é fácil jogar independentemente da posição. Venho tentando dar meu máximo para ajudar a equipe - afirmou.
 
 

 
  - Acabo me cobrando para isso (entrar na área). Como atuava como meia, não era muito de entrar na área, e sim de fazer o atacante chegar. É algo que venho aprimorando dia após dia. Me cobro para melhorar e ajudar ainda mais - acrescentou.

No ano passado, o Corinthians sofreu com o assédio aos seus jogadores na janela do meio da temporada. Pedrinho, que já chegou a ser sondado por alguns clubes europeus, disse não pensar e deixa o assunto para seus empresários.

- Minha ideia é permanecer com a cabeça focada no Corinthians. Claro que se surgir alguma coisa, meus empresários vão resolver. Fico com a cabeça tranquila, procuro não me envolver nisso - declarou.
 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: Guilherme Amaro (Lance)