& vbCrLfFrase da barra de menu desktop
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Na estreia do Paulista Feminino, Corinthians bate o Santos por 3 a 1

 
       
 

Timão domina o jogo e vence, com propriedade, por 3 a 1. Adriana, Victoria Albuquerque e Gabi Nunes marcaram para o Timão

 
  Por:

Voz da Fiel

31/03/2019 13:01:40  
       
 
 
 
       
   Na estreia do Paulista Feminino, Corinthians bate o Santos por 3 a 1   
  Foto: Corinthians  
       
  Na manhã deste domingo (31), na estreia do Campeonato Paulista Feminino, o Corinthians recebeu o Santos na Fazendinha e venceu por 3 a 1, com gols de Adriana, Victoria Albuquerque e Gabi Nunes. O jogo foi válido pelo Grupo 02 do torneio.

Em um primeiro tempo disputado majoritariamente no meio-campo, as poucas chances de gol foram do Corinthians. Em uma delas, Giovanna Crivelari recebeu na entrada da área e bateu, exigindo uma boa defesa da goleira adversária. Outro lance que agitou foi o pênalti não assinalado a favor do Timão, quando a atleta do Santos parou a bola com as mãos dentro na área.

No segundo tempo, logo aos três minutos, Juliete escapou pela esquerda, foi ao fundo e cruzou na cabeça de Adriana, que conferiu para o fundo da rede e inaugurou o placar na Fazendinha.
 
      
 

 
  Melhores em campo, as corinthianas foram surpreendidas aos 35, quando Maria saiu livre para chutar cruzado, vencer Lelê e empatar o jogo. Mas o gol não abalou o Timão, que seguiu em um ritmo forte.

Assim, aos 41 minutos, Victoria Albuquerque bateu falta, vencendo a goleira e marcando pela primeira vez com a camisa do Corinthians. O gol emocionou a jovem jogadora, que chegou neste ano à equipe.

Com o domínio completo do jogo, ainda houve tempo para Gabi Nunes deixar o seu. Ela aproveitou escanteio pela direita, antecipou a zaga e subiu para dar números finais ao jogo, fechando a vitória em 3 a 1.

Agora o Timão terá uma semana cheia de treinamentos e só volta aos gramados no próximo final de semana, quando enfrenta fora de casa, pelo Campeonato Paulista, a equipe da Portuguesa.
 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: Corinthians