Aqui é o lugar onde a Fíel Torcída é ouvída de verdade

       
 

Mauro Boselli é o 13º argentino no Corinthians

 
       
  Segundo o Corinthians,

o atacante de 33 anos assinou contrato de dois anos com o Timão

 
  Por:

Voz da Fiel

05/01/2019 08:47:50  
       
 
 
 
       
     
  Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians  
       
  Novo reforço para o setor ofensivo do Corinthians, Mauro Boselli será o 13º jogador argentino a vestir as cores alvinegras na história do clube. Após anos de sucesso no futebol mexicano, Boselli chega ao Timão para fortalecer a equipe comandada por Fábio Carille em 2019.

O primeiro jogador argentino a jogar no clube do Parque São Jorge foi Buttice. Goleiro, defendeu o Corinthians em 14 jogos no ano de 1974. Dois anos mais tarde, Héctor Veira, um dos maiores ídolos da história do San Lorenzo, vestiu a camisa corinthiana. Entre 1976 e 1977, ele disputou 20 jogos, mas não fez parte da conquista do título estadual que encerrou o jejum de títulos da equipe. Depois destes, o terceiro argentino no Timão foi Fernando Ávalos, que passou sem grande destaque em 2001, com apenas cinco jogos.

Em 2005, o argentino de maior sucesso com a camisa alvinegra, até então, chegou ao Parque São Jorge. Carlitos Tevez foi um sucesso estrondoso, terminando o ano como o grande símbolo da conquista do tetracampeonato brasileiro, onde ganhou o prêmio de melhor jogador do campeonato. Entre 2005 e 2006, Tevez disputou 78 jogos e marcou 46 gols.

Junto de Carlitos, outros dois argentinos chegaram ao Timão em 2005: Javier Mascherano e Sebá Dominguez. Sebá veio junto com status de revelação do último campeão argentino, o Newell’s, mas não conseguiu apresentar seu melhor futebol e em 2006 retornou para o país natal. Já Mascherano chegou ao Timão na metade do ano, e estreou em grande estilo, se destacando em vitória por 3 a 1 sobre o Palmeiras. Por conta de lesões, não conseguiu se firmar na equipe, e em 2006 foi jogar na Inglaterra ao lado de Tevez.
 
      
 
 
 
  Em 2008, Herrera ganhou destaque pela sua entrega em campo e 22 gols marcados no ano em que o Corinthians disputou a série B do Campeonato Brasileiro. No ano seguinte, não permaneceu no clube.

Já em 2009, quatro argentinos chegaram ao Parque São Jorge. O primeiro, o lateral Sergio Escudero, jogou no início do ano, mas lesionou-se de forma grave ainda em abril e só reapareceu nos gramados já em novembro. Não voltou a se firmar. Mais tarde, Matías Defederico e Mariano Torres vestiram a camisa alvinegra.

Defederico veio depois de boa temporada no Huracán, mas permaneceu pouco tempo em São Paulo. Entre 2009 e 2010, foram 40 jogos e três gols marcados. Voltou para a Argentina no final de 2010. Já Mariano Torres nunca jogou pelo Corinthians, sendo emprestado para outras equipes brasileiras.

Por último, Emiliano Vecchio, que chegou no início de 2009, mas tampouco vestiu a camisa corinthiana. Logo após sua contratação, Vecchio foi repassado ao Barueri para as disputas do Campeonato Paulista e do Campeonato Brasileiro.

Em 2012, após a conquista da Libertadores, Juan Manuel Martínez chegou para reforçar a forte equipe no segundo semestre. Campeão do Mundo em dezembro, encerrou sua passagem pelo clube após 19 jogos e dois gols, seguindo para o Boca Juniors no final do mesmo ano.