});
& vbCrLfFrase da barra de menu desktop
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Limpeza no elenco do Corinthians deve chegar a 17 saídas

 
       
  Segundo o Gazeta Press,

Diretoria utilizou a parada do calendário para a Copa América para liberar jogadores que estavam sem espaço no elenco

 
  Por:

Voz da Fiel

09/07/2019 13:49:28  
       
 
 
 
       
   Limpeza no elenco do Corinthians deve chegar a 17 saídas   
  Foto: Reprodução/Internet/Voz da Fiel  
       
 

Além de treinar, o Corinthians aproveitou a parada da Copa América para reduzir seu elenco. Enquanto Gil acertou o retorno para o clube após três anos, a diretoria optou por emprestar os zagueiros Marllon, Pedro Henrique e Caetano e o volante Richard, além de rescindir com o atacante paraguaio Sergio Díaz. Ángelo Araos e Ángel Romero aparecem como os próximos a entrar na lista de saídas.

Gil foi a única contratação alvinegra no período de intertemporada. O defensor conseguiu a liberação do chinês Shandong Luneng e assinou vínculo de seis meses, com prorrogação estipulada até o final de 2022, voltando ao time em que foi campeão paulista e da Recopa em Sul-Americana de 2013, além do título brasileiro de 2015.

 
      
 
 
 
 

Se o ídolo volta, os companheiros de posição promissores saem. Pedro Henrique, Marllon e Caetano, que completava alguns treinos de Carille, foram emprestados para Athletico Paranaense, Bahia e Oeste, respetivamente, até o final da temporada. Assim como o trio, o pouco aproveitado Richard foi cedido ao Vasco.

Sergio Díaz, por sua vez, saiu de forma definitiva. O paraguaio rescindiu contrato de empréstimo, retornou ao Real Madrid Castilla, mas não deve ficar pela Espanha. Compatriota do atacante, Ángel Romero não chegou em acordo pela renovação do contrato que vence em 14 de julho e tem dias contados no clube. Por fim, o chileno Ángelo Araos não correspondeu nas oportunidades em que teve e deve ser cedido para alguma equipe brasileira.

 
 
 
 
 

Entre o fim do Campeonato Paulista e o começo da Copa América, o Corinthians já havia emprestado Marquinhos, Fabrício Oya, Thiaguinho, André Luís e Gustavo Silva para Ponte Preta, São Bento, Oeste, Fortaleza e Vila Nova, respectivamente, contabilizando 10 saídas em pouco menos de três meses.