Aqui é o lugar onde a Fíel Torcída é ouvída de verdade

       
 

Gil não abre mão de 30 milhões e Corinthians descarta contratação

 
       
  Segundo Tiago Salazar (Gazeta Esportiva),

o Corinthians chegou a sonhar com o retorno de Gil, mas a possibilidade foi totalmente descartada pelo clube nessa terça-feira

 
  Por:

Voz da Fiel

08/01/2019 15:40:02  
       
 
 
 
       
     
  Foto: Reprodução/Internet/Voz da Fiel  
       
  Segundo o diretor de futebol Duílio Monteiro Alves, as portas estarão sempre abertas ao zagueiro, mas um acordo nesse momento é inviável para o clube paulista.

“Excelente zagueiro, mas infelizmente, os números hoje não é uma contratação possível. Vamos ver no futuro se a gente consegue. Hoje não existe a possibilidade”, enfatizou o dirigente.

Gil defendeu o Corinthians de 2013 a 2015 e atualmente recebe um salário de R$ 2,5 milhões no Shandong Luneng. Para acertar com o Timão, o jogador de 31 anos teria de abrir mão de R$ 30 milhões, e não está disposto a isso.

Outro que esteve na pauta corinthiana, mas já é caso esquecido é Leandro Castán. O Vasco de opôs a fazer negócio e exigiu o pagamento da multa integral. Desde então, o Corinthians saiu de cena.

A diretoria alvinegra garante que não está atrás de nenhuma outra opção para setor e garante que Fábio Carille está satisfeito com o que tem à disposição: Henrique, Léo Santos, Marllon e Pedro Henrique. É provável que um zagueiro da base suba ao profissional logo após a Copa São Paulo de Futebol Júnior.
 
      
 
 
 
  LUAN

Luan não deve vestir a camisa do Corinthians em 2019. Depois do Atlético-MG não ter se entendido com Clayson, a transferência do Menino Maluquinho passou a depender dos paulistas abrirem o bolso.

“Não evoluiu nada. Está tudo parado. Os valores que nos foram passados não são viáveis. Tivemos a chegada do Boselli nos últimos dias, que preenche uma carência que entendíamos no elenco, então, por enquanto, não tem novidade”, explicou Duílio.

LOVE

Vagner Love vive uma situação diferente. O Corinthians admite o interesse, mas se vê de mãos atadas enquanto o atacante não se resolver com o Besicktas, clube que deve sete meses de salário ao jogador, o que significa cerca de R$ 13 milhões.

“É um nome que a gente observa o que tem acontecido com o contrato dele, na Turquia. Não dá para dize que é especulação. É um nome que interessa, campeão pelo clube, tem história, mas, nada além disso”, afirmou o diretor corinthiano.