Aqui é o lugar onde a Fíel Torcída é ouvída de verdade

       
 

Fagner vê Corinthians melhor e avisa: vai ser uma equipe chata

 
       
  Segundo Guilherme Amaro (Lance),

o lateral-direito se empolga com elenco montado e volta do técnico Fábio Carille. Para ele, Timão está mais forte do que em 2018 e vai incomodar os adversários

 
  Por:

Voz da Fiel

20/01/2019 08:44:12  
       
 
 
 
       
     
  Foto: Marco Galvão/Lance  
       
  O Corinthians está mais forte do que em 2018, quando conquistou o Paulistão, foi vice da Copa do Brasil e terminou o ano bem abaixo do esperado, apenas na 13ª colocação do Brasileirão. Pelo menos é essa a opinião do lateral-direito Fagner, que está empolgado com o elenco para a temporada. A estreia em jogo oficial em 2019 acontece neste domingo, às 17h, contra o São Caetano, na Arena em Itaquera, pelo Paulistão.

- Sim (mais forte que o ano passado), porque manteve a base, reforçou praticamente todos os setores, isso faz com que o elenco fique mais capacitado. Para disputar competições simultâneas, você precisa ter um elenco qualificado, não só 11 ou 15 jogadores como antigamente. Acho que o Corinthians está no caminho certo, agora é dar tempo para que as coisas se encaixem - disse Fagner.

- A expectativa é de um ano muito bom, melhor que 2018, principalmente pelo lado do conjunto que está se reforçando e se consolidando. Sabemos que tem muita coisa para evoluir, e a expectativa é estar bem para disputar os títulos das competições que vamos disputar - acrescentou.
 
      
 
 
 
  O que também anima o lateral é a volta do técnico Fábio Carille, que foi para o Al Wehda (SAU) após conquistar três títulos em um ano e meio no Corinthians. Para Fagner, o Timão vai passar a ser "chato" novamente.

* - O Fábio é um cara que estuda muito a parte tática, prioriza a linha defensiva, todo mundo marca e todo mundo joga. Vai ser uma equipe chata de novo, uma equipe bem organizada e consciente dentro de campo, que vai incomodar o adversário, vai tomar poucos gols. Voltando a ter isso, acho que tem grandes chances de brigar lá em cima, porque isso que fez o Corinthians ser campeão nos últimos anos - avisou.