});
& vbCrLfFrase da barra de menu desktop
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Exclusivo: fizemos um raio-x do Timão em todas as edições do Brasileirão

 
       
 

Neste final de semana começa o Brasileirão 2019 e o Timão vai em busca de mais uma taça

 
  Por:

Voz da Fiel

27/04/2019 10:13:21  
       
 
 
 
       
   Exclusivo: fizemos um raio-x do Timão em todas as edições do Brasileirão   
  Foto: Reprodução/Internet/Voz da Fiel  
       
  Pelo Campeonato Brasileiro, criado no de 1971 e em seus diferentes formatos até então, o Corinthians tem um total de 47 participações e é o maior vencedor do torneio com sete títulos. O último conquistado no ano de 2017.

• Edições em que foi campeão: 1990, 1998, 1999, 2005, 2011, 2015 e 2017
• Edições em que foi vice: 1976, 1994 e 2002

O Timão também detem um marca histórica: o maior número de gols em uma única partida e a maior goleada, isso ocorreu em 9 de fevereiro de 1983, quando o Corinthians derrotou o Tiradentes por 10 a 1 no estádio do Canindé, com direito a um golaço de bicicleta do lateral Wladimir.
 
      
  Exclusivo: fizemos um raio-x do Timão em todas as edições do Brasileirão  
  Desde a sua criação em 1971, o Campeonato Brasileiro teve algumas alterações na sua nomenclatura:

• Campeonato Nacional de Clubes: 1971 - 1974
• Copa Brasil: 1975 - 1986
• Taça de Ouro: 1980 - 1985
• Copa União: 1987 e 1988
• Campeonato Brasileiro: 1989 - 1999
• Copa João Havelange: 2000
• Campeonato Brasileiro: 2001 e 2002
• Brasileirão: 2003 - 2019

Desde 1971, o Corinthians deixou de disputar apenas uma edição, a de 1979.
 
 
 
 
  Veja abaixo a posição do Corinthians em todas as suas participações nesta competição:

• 1971: 04º lugar
• 1972: 04º lugar
• 1973: 12º lugar
• 1974: 15º lugar
• 1975: 06º lugar
• 1976: Vice
• 1977: 08º lugar
• 1978: 12º lugar
• 1979: não disputou
• 1980: 05º lugar
• 1981: 26º lugar
• 1982: 04º lugar
• 1983: 10º lugar
• 1984: 04º lugar
• 1985: 16º lugar
• 1986: 07º lugar
• 1987: 16º lugar
• 1988: 15º lugar
• 1989: 06º lugar
• 1990: 01º Campeão
• 1991: 05º lugar
• 1992: 06º lugar
• 1993: 03º lugar
• 1994: Vice
• 1995: 14º lugar
• 1996: 12º lugar
• 1997: 17º lugar
• 1998: Campeão
• 1999: Campeão
• 2000: 28º lugar
• 2001: 18º lugar
• 2002: Vice
• 2003: 15º lugar
• 2004: 05º lugar
• 2005: Campeão
• 2006: 09º lugar
• 2007: 17º lugar
• 2008: Campeão (Série B)
• 2009: 10º lugar
• 2010: 03º lugar
• 2011: Campeão
• 2012: 06º lugar
• 2013: 10º lugar
• 2014: 04º lugar
• 2015: Campeão
• 2016: 07º lugar
• 2017: Campeão
• 2018: 13º lugar
 
  Exclusivo: fizemos um raio-x do Timão em todas as edições do Brasileirão  
  O maior público em um jogo do Corinthians foi em um jogo que o Timão não era o mandante. Foram 146.043 pagantes, para assistir Fluminense 1×1 Corinthians no Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro de 1976 (5 de dezembro de 1976).

Porém esse é o jogo da invasão Corinthiana ao Maracanã, foi como ficou conhecido o episódio no qual milhares de torcedores do Timão, viajaram até o Rio de Janeiro para acompanhar a partida única da fase pré-final (equivalente à semifinal) do Campeonato Brasileiro de 1976. Além de ter valido uma vaga para a final do campeonato nacional, a partida ficaria notabilizada por ter sido o maior deslocamento de torcedores de um time visitante na história do futebol mundial.

Estima-se que pelo menos 70 mil Corinthianos, de um total de 146 mil espectadores pagantes, na tarde do dia 5 de dezembro daquele ano no Maracanã, palco do evento, se deslocaram do Estado de São Paulo em direção a capital fluminense, por ônibus, trem, avião ou automóvel particular, para irem torcer pelo Corinthians.
 
 
 
 
  O Corinthians, além dos títulos e vice-campeonatos, ficou em terceiro lugar em duas edições (1993 e 2010) e em quarto lugar cinco vezes (1971, 1972, 1982, 1984 e 2014).

O Corinthians já decidiu títulos do Campeonato Brasileiro contra seus arquirrivais, sendo o único do país a ter este feito.

O primeiro foi em 1990, onde o Corinthians conquistou seu primeiro título sobre o São Paulo. Já em 1994 perdeu o título do Campeonato Brasileiro para o arquirrival Palmeiras. Em 2002 perdeu o Brasileiro para o Santos e em 2017 levou a vantagem contra o arquirrival Palmeiras, vencendo o jogo que praticamente definiu o campeonato por 3x2 na Arena Corinthians.

O Corinthians nas edições em que esteve disputando o título contra um adversário de fora do Estado de São Paulo, perdeu a competição apenas uma vez, no ano de 1976 e foi campeão contra rivais de fora nos seguintes anos:

• 1998: Campeão contra o Cruzeiro
• 1999: Campeão contra o Atlético-MG


Nesses anos, apesar da disputa ser por pontos corridos, o Timão sempre teve um clube disputando o título ponto a ponto contra um rival de fora.

• 2005: Campeão disputando contra o Internacional
• 2011: Campeão disputando contra o Vasco da Gama
• 2015: Campeão disputando contra o Atlético-MG

O Corinthians é o único clube que terminou a competição sendo campeão com uma derrota, foi no ano de 2005. O Timão perdeu o último jogo, fora de casa, para o Goiás onde o técnico e jogadores adversários assumiram publicamente terem recebido "mala branca" do Internacional para vencer o jogo. Porém o Inter esqueceu de fazer o seu papel dentro de campo e derminou derrotado, como o Corinthians tinha mais pontos terminou como campeão.

O Brasileiro de 2005 teve diversas polêmicas envolvendo a máfia do apito, onde foi descoberto um esquema fradulento de manipulação de resultados. O árbitro em questão foi banido do futebol e os jogos onde ele atuou foram remarcados.

Uma partida ficou marcada na memória de todos os Corinthianos, foi quando o Timão impôs uma derrota acachapante ao seu rival da baixada, venceu no dia 06 de novembro de 2005, no estádio do Pacaembu, o Santos por 7 à 1 e com uma exibição de gala do argentino Tevez, fazendo "had trick".
 
  Exclusivo: fizemos um raio-x do Timão em todas as edições do Brasileirão  
  Estrangeiros que fizeram sucesso com a camisa do Corinthians, disputando o Campeonato Brasileiro e sendo campeões:

• Gamarra (Paraguai): 1998
• Rincón (Colombia): 1998 e 1999
• Tévez (Argentina): 2005
• Mascherano (Argentina): 2005
• Cachito Ramírez (Peru): 2011
• Romero (Paraguai): 2017
• Balbuena (Paraguai): 2017

Com exceção do campeonato de 1990, todas as demais edições em que o Timão foi campeão, o Corinthians sempre contou com estrangeiros no seu elenco.

Não citamos o título de 2015, na relação acima, porque os estrangeiros do elenco não tiveram destaque ou sairam do clube antes do término da temporada:

• Gustavo Vieira (Paraguai): não jogou
• Romero (Paraguai): reserva
• Stiven Mendoza (Colombia): foi emprestado
• Guerrero (Peru): não teve contrato renovado

Com esse raio-x das participações do Timão, nós da comunidade Voz da Fiel desejamos vibrações positivas ao Corinthians e torcendo muito para mais uma conquista de Campeão Brasileiro!