& vbCrLfFrase da barra de menu desktop
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Dinheiro e projeção: Corinthians colocou vaga nas oitavas como obrigação

 
       
 

chegar às oitavas de final do torneio de mata-mata nacional está previsto no orçamento de 2019

 
  Por:

Voz da Fiel

24/04/2019 09:48:43  
       
 
 
 
       
   Dinheiro e projeção: Corinthians colocou vaga nas oitavas como obrigação   
  Foto: Reprodução/Internet/Voz da Fiel  
       
  O Corinthians conquistou o Campeonato Paulista e fez merecida festa pelo tri estadual no último domingo, mas entra em campo na noite desta quarta-feira com o objetivo de se manter vivo na Copa do Brasil. Além da natural motivação esportiva, porém, o Alvinegro tem na parte econômica o maior trunfo para se dedicar ao máximo no embate diante da Chapecoense, às 21h30 (de Brasília), na Arena.

Chegar às oitavas de final do torneio de mata-mata nacional está previsto no orçamento do clube para 2019, alcançando o estágio de início da campanha do ano passado, quando a equipe foi finalista. A projeção prevê também uma ida também às oitavas na Sul-Americana, competição em que também resta uma eliminatória para alcançar o patamar previsto em dezembro.
 
      
 

 
  A projeção leva em conta as receitas de bilheteria com mais jogos assegurados nas competições, ajudando a pagar o fundo do estádio, e, principalmente, a premiação destinada às copas, principalmente a do Brasil. Se passar pela Chape, por exemplo, o Timão vai assegurar mais R$ 2,4 milhões aos seus cofres.

O montante, ainda que não tão relevante para um clube que gasta cerca de R$ 11 milhões na folha salarial mensal, significa que o clube segue vivo na busca por mais premiação. São R$ 3 milhões para quem disputar as quartas, R$ 6,5 milhões para os semifinalistas e um montante assegurado de R$ 20 milhões na final, podendo chegar a R$ 50 milhões em caso de título.
 
 

 
  Com a meta de patrocínios já batida, um título assegurado e uma projeção conservadora no Brasileiro, buscando apenas o sétimo lugar no torneio nacional, a vaga se torna cada vez mais atraente. A expectativa é que o clube reúna condições de investimentos mais polpudos já no meio deste ano, além de um aumento substancial no poder de mercado ao final da temporada.

Por ter sido derrotado no primeiro jogo pelo placar de 1 a 0, na Arena Condá, em Santa Catarina, o Timão precisa de um triunfo por ao menos dois gols de diferença para assegurar sua vaga nas oitavas de final nos 90 minutos de bola rolando. Vitória pela margem mínima leva a decisão para os pênaltis. O gol fora de casa não é mais critério de desempate na competição.
 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: Tomás Rosolino (Gazeta Esportiva)