& vbCrLfFrase da barra de menu desktop
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Daniela Alves analisa equipe Sub-17 e vê seu time em franca evolução

 
       
 

prestes a completar dois meses de trabalhos, Daniela Alves fala sobre suas comandadas, destaca facilidade de absorção das informações e afirma: “é uma equipe guerreira”

 
  Por:

Voz da Fiel

18/03/2019 18:48:05  
       
 
 
 
       
   Daniela Alves analisa equipe Sub-17 e vê seu time em franca evolução   
  Foto: Corinthians  
       
  São quase dois meses de treinamentos. Com trabalhos diários na academia e em campo, as mudanças são evidentes, assim como a satisfação de sua treinadora. É dessa forma que a equipe sub-17 do Corinthians segue sua rotina e a comandante das meninas, Daniela Alves, traçou suas impressões de seu time. Usando toda sua experiência acumulada dos tempos de jogadora, ela destacou a absorção das informações como principal ponto até aqui. “Elas, por serem novas, conseguem captar muito fácil aquilo que passamos. Claro que ainda há muito o que se fazer. As meninas carregam alguns vícios, muitas não tiveram trabalhos específicos de base ou participaram de outras equipes, então encontram algumas dificuldades em determinados momentos. Outras, que já passaram por clubes e possuem uma vivência maior, acabam absorvendo ainda mais fácil e ajudam as companheiras. No geral, todas são muito talentosas e estão em franca evolução”, disse.  
      
 

 
  O primeiro desafio das meninas do Timão será a Nike Premier Cup, torneio que reunirá oito equipes e será disputado de 6 a 12 de maio no CT das Categorias de Base do Corinthians. Para esse compromisso inicial, Dani Alves explicou o que a Fiel pode esperar.

“Com certeza um time de muita raça, com as características do Corinthians. Eu não gosto de perder e elas entenderam isso. Então, como falamos, elas dão a vida em todos os momentos. Não gostam de perder sequer uma bola nos treinamentos. Então, a Fiel pode esperar ver nelas uma enorme vontade de ganhar, uma equipe guerreira”, finalizou.
 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: Corinthians