& vbCrLfFrase da barra de menu desktop
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Carille diz que tem forma de jogar, mas ainda busca time ideal

 
       
 

o técnico também compara Gustagol, artilheiro do time na temporada, ao centroavante Jô após vitória sobre o São Paulo

 
  Por:

Voz da Fiel

18/02/2019 04:13:19  
       
 
 
 
       
   Carille diz que tem forma de jogar, mas ainda busca time ideal   
  Foto: Reprodução/Internet/Voz da Fiel  
       
  O técnico Fábio Carille, do Corinthians, disse ter encontrado a forma de o time jogar, mas deixou aberta a disputa pelas vagas na equipe.

Na vitória sobre o São Paulo, neste domingo, por 2 a 1, em Itaquera, pelo Campeonato Paulista, o Corinthians começou num 4-3-3, com o meio de campo com Ralf, Sornoza e Junior Urso, e Pedrinho, Clayson e Gustagol no ataque. A defesa, onde não há dúvidas, teve Cássio, Fagner, Manoel, Henrique e Danilo Avelar.

O treinador disse que ainda busca os titulares:

– Achei a forma de jogar, ainda não falo de time ideal. Era com Ramiro contra o Racing, agora com Urso e Clayson, Pedrinho fazendo papel do Jadson como armador – disse ele, que revelou que Jadson tem dores no joelho e deve ficar 15 dias afastado para se recuperar.
 
      
 

 
  Ainda há ajustes a fazer, segundo Carille.

– Vou soltar mais esse time, independentemente de quem jogar, seja Richard, Junior, Ramiro, Sornoza... enfim, quem jogar do lado do primeiro (volante), no caso de hoje o Ralf, quero soltar mais. A forma de jogar, sim (já encontrei). O time ideal, não – completou Carille.

Durante a entrevista coletiva, ele mais uma vez exaltou o momento de Gustagol, que neste domingo marcou o sétimo gol na temporada – dos dez do Corinthians no ano.

Carille comparou o atacante a Jô, centroavante que foi destaque da conquista do Brasileiro pelo Corinthians em 2017:

– É um jogador que está trabalhando demais, ele me surpreendeu. Não só pelos gols, mas como briga pela bola, lembrando muito o Jô, de voltar, compensar o lateral. No ano de 2018 o Corinthians jogou sem o 9, e a gente parou de jogar (bola) na área. Quero induzir meus jogadores a trabalharem mais os cruzamentos. Temos que melhorar, aproveitar a fase do atleta.

O Corinthians volta a campo na próxima quarta-feira, quando recebe o Avenida-RS, em Itaquera, pela segunda fase da Copa do Brasil. Pelo Paulista, enfrenta o Botafogo, no próximo domingo, em Ribeirão Preto.

A vitória no clássico deste domingo colocou o Corinthians na liderança do Grupo C, com 10 pontos, um à frente da Ferroviária.
 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: Bruno Cassucci (Globo Esporte)