& vbCrLfFrase da barra de menu desktop
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Bruno Méndez explica foto com camisa do Corinthians

 
       
 

apresentado, zagueiro uruguaio fala sobre características e destaca grandeza do Timão

 
  Por:

Voz da Fiel

05/03/2019 15:36:39  
       
 
 
 
       
   Bruno Méndez explica foto com camisa do Corinthians   
  Foto: Reprodução/Internet/Voz da Fiel  
       
  O zagueiro uruguaio Bruno Mendéz foi apresentado nesta terça-feira como reforço do Corinthians. O jogador de 19 anos, que foi contratado do Montevideo Wanderers, destacou a grandeza do Timão, falou sobre suas características e comentou a foto em que aparece, na infância, com a camisa alvinegra.

Embora Bruno Méndez apareça na imagem com um uniforme do Corinthians da década de 1990, a foto foi tirada mais recentemente, quando ele tinha entre 12 e 13 anos.

– É uma foto que eu tinha de menino, de 2011 ou 2012. Um uruguaio sempre tem um time do qual é torcedor na Argentina e no Brasil, o meu era o Corinthians. Lembrava do time campeão mundial com Paolo Guerrero. Foi por isso – comentou.

Para ter Bruno Méndez o Corinthians pagou 3,5 milhões de dólares, cerca de R$ 13 milhões na cotação atual, e ficou com 85% dos direitos econômicos do atleta, que assinou contrato de cinco anos. O Wanderers seguirá com 15% dos direitos.

Questionado sobre suas características e um jogador no qual se inspira, o zagueiro afirmou:

– Eu gosto de ser agressivo na marcação, gosto de sair jogando por baixo, algo que implementam aqui (no Brasil). A referência é em Diego Godín. É nele que eu me espelho – comentou, se referindo ao defensor do Atlético de Madri e da seleção uruguaia.

Bruno Méndez não está inscrito no Campeonato Paulista, mas o Corinthians ainda pode fazer mudanças na lista.
 
      
 

 
  Confira abaixo outros trechos da entrevista coletiva de Bruno Méndez:

Tamanho do Corinthians:

– Já sabia o que era o clube, sei o quanto é grande no Brasil e na América, é reconhecido em todo mundo. Sei o desafio que tenho, sei que é bastante difícil o futebol brasileiro, mas quero me adaptar o mais rápido possível e estar à disposição do técnico.

Gringos do Timão:

– Me falaram desses jogadores, Balbuena foi o último zagueiro. Me disseram que ele teve boa passagem. Quero minha marcar minha história, espero que seja igual.

Volta para a seleção sub-20?

– Isso não está a meu alcance. O que vem é o Mundial sub-20. Tenho noção que os zagueiros que estão na seleção principal tem mais experiência do que eu, jogam na Europa. O processo é passar pela sub-20 e pelo Mundial. Tomara que eu possa sair bem.

Já pode jogar?

– Vou treinar ao máximo, tentar me adaptar o mais rápido possível para estar à ordem do treinador, se ele quiser agora ou depois.

Faculdade:

– Terminei o primeiro ano (de Educação Física), mas aqui é mais difícil, são mais jogos do que no Uruguai. Lá são 30 por ano. Aqui não creio que poderei seguir o curso, não vai dar tempo.
 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: Bruno Cassucci (Globo Esporte)