& vbCrLfFrase da barra de menu desktop
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Avelar elogia Carlos e diz que tem que ficar atento com a concorrência

 
       
 

na visão de Avelar o bom desempenho de Carlos fez ele ligar o sinal de alerta

 
  Por:

Voz da Fiel

07/05/2019 08:13:53  
       
 
 
 
       
   Avelar elogia Carlos e diz que tem que ficar atento com a concorrência   
  Foto: Sergio Barzaghi/Gazeta Press  
       
  O lateral esquerdo Danilo Avelar foi só elogios ao comentar o desempenho da equipe na sua ausência, cada vez mais próxima de ser findada. Na avaliação do camisa 35, o time respondeu bem à presença de Carlos Augusto no seu setor, um desempenho que serve de alerta até para ele próprio no que diz respeito à sua continuidade como titular do Alvinegro.

“Menino de muito potencial, tenho que ficar atento. Disputa sadia, eu cresço, ele cresce, e isso é muito bom”, avaliou Danilo Avelar, que participou do jogo-treino com o sub-23 nesta segunda-feira e mostrou estar recuperado das dores no joelho esquerdo que o fizeram jogar apenas uma partida no último mês.
 
      
 

 
  Depois de terminar o ano como titular em 2018, Carlos foi relegado à condição de reserva por ter perdido toda a pré-temporada e os oito primeiros jogos a serviço da seleção sub-20, que disputou o Sul-Americano da categoria. Avelar mostrou boa performance, ganhou a confiança de Carille e não saiu mais do time desde então.

A série recente reuniu o primeiro jogo da final do Paulista, os duelos de ida e volta contra a Chapecoense, pela quarta fase da Copa do Brasil, e as três primeiras rodadas do Campeonato Brasileiro. Teve bons momentos, como o gol frente à Chape e as boas atuações no mata-mata. Contra, porém, teve uma atuação ruim na estreia do Brasileiro e o pênalti cometido frente ao Vasco, no final de semana.

“Acho muito importante. É um atleta, um profissional com uma crescente muito boa. Fez gols, isso valoriza muito a lateral esquerda. Muitos talvez esqueçam da importância que a gente tem ali, não só defender, mas também podemos resolver jogo”, concluiu.
 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: Tomás Rosolino (Gazeta Esportiva)