x
x
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Elenco limitado tecnicamente se torna obstáculo do Corinthians na briga pela Libertadores

 
       
 

O treinador admite que o elenco não é o ideal e faltam peças para criar alternativas de jogo

 
  Por:

Voz da Fiel

26/01/2021 06:53:13  
       
 
 
 
       
   Elenco limitado tecnicamente se torna obstáculo do Corinthians na briga pela Libertadores   
  Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians  
       
 

A meta do Corinthians para a reta final desta temporada é conquistar uma vaga na Copa Libertadores 2021, mas para alcançar o objetivo é preciso solucionar a carência do elenco. Sem tantas opções de peso no banco de reservas, o técnico Vagner Mancini se desdobra para construir alternativas de jogo ao Timão, mas esbarra no problema.

Na última segunda, contra o Red Bull Bragantino, o Corinthians foi para o intervalo perdendo por dois gols de diferença e precisando de uma mudança drástica em sua estratégia. A comissão técnica então optou em sacar Gustavo Mosquito e Mateus Vital e mandar a campo Léo Natel e Otero, com a premissa de conseguir implementar velocidade ao ataque.

 
      
 

 
 

Sem sucesso com as duas primeiras mudanças, Mancini colocou Gabriel Pereira, Luan e Everaldo nas respectivas vagas de Ramiro, Cazares e Jô. Na prática, exceção à última substituição, as mexidas não alteraram o plano tático da equipe, que acabou sendo neutralizada pelo Bragantino e ofereceu menos perigo do que no primeiro tempo (oito finalizações nos 45 minutos iniciais, e cinco na etapa final).

O treinador admite que o elenco não é o ideal e faltam peças para criar alternativas de jogo, vitais em situações adversas - como nas partidas recentes contra Palmeiras e Bragantino. Importante ressaltar que alguns nomes do elenco não têm reposição imediata, como são os casos do centroavante Jô e do lateral Fábio Santos. Apesar de reconhecer que sua realidade não é tão animadora, Mancini opta em estimular a confiança de seus jogadores.

 
 

 
 

"Sou realista e tenho na mão um elenco que me deu retorno rapidamente. Tenho que confiar nesses atletas. Não posso ficar sonhando com nada (referindo-se a reforços). Vivendo na realidade estou sempre muito mais próximo do que pode acontecer em campo. Temos limitações, mas temos atletas que são capazes de realizar o que pedimos", pontuou o treinador.

Restam sete partidas para o Corinthians no Campeonato Brasileiro. O clube é o 10º colocado, com 45 pontos, e seis atrás do Grêmio - o primeiro clube dentro da zona de classificação para a Copa Libertadores 2021. Na próxima quinta, às 19h (de Brasília), o Timão mede forças com o Bahia, na Fonte Nova, e precisa vencer para manter vivo o sonho de disputar o torneio continental na próxima temporada.

 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: UOL