x
x
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Primeiro goleiro a se tornar ídolo do Corinthians, Tuffy completaria 122 anos neste sábado

 
       
 

Atleta foi responsável por formar grande sistema defensivo e conquistar o segundo tricampeonato paulista da história do clube

 
  Por:

Voz da Fiel

17/10/2020 09:08:30  
       
 
 
 
       
   Primeiro goleiro a se tornar ídolo do Corinthians, Tuffy completaria 122 anos neste sábado   
  Foto: Arquivo Corinthians/Corinthians  
       
 

Neste sábado (17), o primeiro goleiro a se tornar ídolo vestindo o manto alvinegro, Tuffy Neugen, o Tuffy completaria 122 anos de vida. O arqueiro nasceu em Santos, no litoral paulista, em 17 de outubro de 1898. Deu início a sua carreira profissional na extinta Associação Atlética Palmeiras, sendo dispensado do clube por suspeita de suborno em uma partida contra o próprio Corinthians.

Após a dispensa, o goleiro foi atuar com a camisa do Pelotas, do Rio Grande do Sul, mas pouco tempo depois retornou para São Paulo, para atuar no Santos, clube onde teve duas passagens. Também atuou pelo Esporte Clube Sírio e Palestra Itália antes de chegar ao Timão. Por conta de suas enormes costeletas e sempre estar vestido de preto, o jogador foi apelidado de “Satanás”.

 
      
 

 
 

Em 1928, “Satanás” chegou ao Parque São Jorge e teve o auge de sua carreira, formando um sistema defensivo histórico com os zagueiros Pedro Grané e Del Debbio. Fazendo grandes defesas em pênaltis e tendo um grande desempenho embaixo das traves, foi tricampeão Paulista em 1928, 1929 e 1930.

Tuffy se aposentou no Corinthians em 1931 e virou gerente de um cinema, em São Paulo. Quatro anos depois, uma pneumonia dupla o atingiu muito fortemente e ele acabou falecendo com apenas 36 anos, em quatro de dezembro de 1935, na capital paulista.

A passagem do jogador no Timão durou de 1928 a 1931. No clube, ele somou o tricampeonato paulista, e disputou 71 jogos, conquistando 48 vitórias, 11 empates e 12 derrotas.

 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: Corinthians