x
x
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Mancini vê erro de árbitro em pênalti e diz que sacou Davó pra matar o jogo

 
       
 

Mancini explicou a estratégia e mudanças do Corinthians contra o América-MG

 
  Por:

Voz da Fiel

05/11/2020 06:45:17  
       
 
 
 
       
   Mancini vê erro de árbitro em pênalti e diz que sacou Davó pra matar o jogo   
  Foto: TV Corinthians/Corinthians  
       
 

O técnico Vagner Mancini entende que o árbitro Vagner do Nascimento Magalhães errou ao marcar o pênalti contra o Corinthians na eliminação do time paulista no empate contra o América-MG por 1 a 1, nesta quarta-feira, no estádio Independência, pelas oitavas de final da Copa do Brasil.

Após abrir o marcar com Fagner, de pênalti, após Davó ser derrubado na área no segundo tempo, o Timão sofreu o empate em cobrança de pênalti após a bola bater na mão do lateral Lucas Piton. O gol de Rodolfo na cobrança eliminou o Corinthians, já que os paulistas haviam perdido por 1 a 0, na Neo Química Arena, no jogo de ida.

 
      
 

 
 

"O pênalti foi interpretativo, mas o atleta do América estava entre a bola e o nosso jogador. Na minha opinião o árbitro errou em dar o pênalti, mas isso não justifica. Temos que melhorar na temporada. Precisamos recuperar os pontos e subir na tabela. Tem que haver imposição perante ao adversário", afirmou Mancini.

O treinador corinthiano foi questionado em duas perguntas da coletiva sobre a saída de Davó no segundo tempo. O atacante havia sofrido o pênalti, quase marcado um gol de cabeça e incomodava a defesa do América-MG. Mancini alega que a troca foi por ordem física, já que Davó estava desgastado fisicamente. Como o Timão vencia por 1 a 0 no momento da troca, o técnico disse que a ideia de colocar Léo Natel era "matar" o jogo com um atleta melhor fisicamente em campo.

 
 

 
 

"A saída do Davó foi parte física. Ele não vinha jogando, fez dois jogos em pouco mais de dois dias. A entrada do Léo (Natel) foi para tentar dar um gás um novo. A nossa intenção era matar a partida para não sofrer no final", disse Mancini.

"Foi muito mais de ordem física, ele já estava caindo de produção, tínhamos que apertar a marcação adiantada. a gente percebeu que houve queda física e a substituição teve que colocar um gás novo alí", explicou novamente na segunda parte sobre o assunto.

Como o Corinthians já havia sido eliminado na Pré-Libertadores, só resta o Campeonato Brasileiro para o clube de Parque São Jorge disputar. Na próxima rodada, aliás, o Alvinegro enfrenta o Atlético-GO, sábado (7), em Goiânia, pela primeira rodada do returno do Brasileirão.

 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: UOL