x
x
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Duílio vive semana de visitas ao CT, à CBF e abre diálogo antes de nomeações

 
       
 

Duílio tem conversado com líderes de chapas para absorver anseios e também passar um pouco das suas intenções

 
  Por:

Voz da Fiel

05/12/2020 07:41:43  
       
 
 
 
       
   Duílio vive semana de visitas ao CT, à CBF e abre diálogo antes de nomeações   
  Foto: José Manoel Idalgo/Corinthians  
       
 

Duílio Monteiro Alves foi ao Parque São Jorge no último domingo, dia seguinte a sua vitória na eleição que o confirmou como sucessor de Andrés Sanchez.

O futuro presidente do Corinthians foi agradecer àqueles que o elegeram na noite anterior para um mandato que irá de janeiro de 2021 a dezembro de 2023.

 
      
 

 
 

Na segunda-feira, Duílio foi ao CT Joaquim Grava depois de um longo tempo sem aparecer no local que se tornou parte de sua rotina nos últimos anos. A visita foi pontual e partiu de uma vontade pessoal. O dirigente recebeu cumprimentos dos jogadores pela vitória nas urnas.

A correria para preparar o início da gestão teve direito a uma visita à CBF, na terça-feira. Duílio participou de reuniões informais e voltou a São Paulo na sequência.

 
 

 
 

Agora, o ex-diretor de futebol do clube deu início aos diálogos. Duílio tem conversado com líderes de chapas para absorver anseios e também passar um pouco das suas intenções.

Essas conversas devem nortear decisões internas e nomeações de cargos relevantes. Por ora, há apenas a promessa de uma grande transformação e de uma tentativa de unir todos os lados. Talvez, na próxima semana, já tenhamos novidades neste sentido.

 
 

 
 

Um dos objetivos, por exemplo, é conversar com Alessandro Nunes a assumir a gerência de futebol.

No próximo do domingo, a agenda de Duílio prevê ida à Neo Química Arena para acompanhar a final do Campeonato Brasileiro feminino entre Corinthians e Avaí/Kindermann.

Duílio Monteiro Alves será o 31º presidente da história do Corinthians e tomará posse dia 4 de janeiro de 2021.

 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: Gazeta Press