x
x
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Andrés celebra acordo financeiro pela Neo Química Arena e prevê paz e receitas ao sucessor no Corinthians

 
       
 

Presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, escreveu sobre a importância do acordo

 
  Por:

Voz da Fiel

27/11/2020 15:32:15  
       
 
 
 
       
   Andrés celebra acordo financeiro pela Neo Química Arena e prevê paz e receitas ao sucessor no Corinthians   
  Foto: Reprodução/Internet/Voz da Fiel  
       
 

O presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, se manifestou pela primeira vez nesta sexta-feira sobre o acordo com a Caixa Econômica Federal para o pagamento do financiamento da Neo Química Arena. O mandatário usou o seu Twitter e disse que vai deixar um legado de paz e dinheiro para o seu sucessor.

"Voltei ao Corinthians com uma missão: fechar os acordos da Arena. uma negociação complexa, que exige tempo. Mas a um mês de fechar o ciclo, meu sucessor pode ter certeza que terá a paz e as receitas que não tivemos e um clube mais forte pra investir no futebol. A torcida merece", escreveu o dirigente.

 
      
 

 
 

Segundo a publicação, o banco estatal concordou em oferecer um prazo de pagamento ao Corinthians muito maior do que o anterior, até 2040, quando será depositada a última parcela dos naming rights. Inicialmente, o clube teria que quitar o financiamento até 2028. Essa era uma das "bombas" prometidas pelo presidente licenciado Andrés Sanchez no final do seu mandato.

Além disso, o Timão ganhou um tempo de carência e só vai iniciar os depósitos para a Caixa em 2022. Ficou combinado que os pagamentos serão feitos em 17 prestações, uma por ano, e não mais mensalmente, como previsto no contrato anterior.

 
 

 
 

A manifestação de Andrés Sanchez se dá justamente na véspera das eleições presidenciais do Corinthians, na qual tenta emplacar Duílio Monteiro Alves como seu sucessor. Além do candidato da situação, concorrem no pleito deste sábado Mário Gobbi e Augusto Melo.

Veja a publicação de Andrés no Twitter

 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: Voz da Fiel