& vbCrLfFrase da barra de menu desktop
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Sem Libertadores e com pouco tempo para curtir ressaca

 
       
 

o Corinthians perdeu a Copa do Brasil e faz uma campanha de time rebaixado no segundo turno do Brasileirão 2018

 
  Por:

Voz da Fiel

18/10/2018 08:38:46  
       
 
 
 
       
   Sem Libertadores e com pouco tempo para curtir ressaca   
  Foto: Reprodução/Internet/Voz da Fiel  
       
  O Corinthians perdeu por 2 a 1 para o Cruzeiro na noite da quarta-feira, na Arena, e viu sua chance de título no segundo semestre acabar. Pior: 11 pontos atrás do Atlético-MG, sexto colocado e último classificado à Copa Libertadores da América do ano que vem, o Alvinegro já dá como certo o fato de que não vai participar da competição no ano que vem. E ainda tem que lidar com o perigo da zona de rebaixamento, apenas quatro pontos abaixo de si.

A conquista do torneio continental era o grande objetivo da diretoria, que se reuniu com os atletas e avisou da importância de levar a quarta taça da Copa na história do clube, principalmente pelo lado financeiro. O Cruzeiro, campeão, levou R$ 50 milhões como prêmio, enquanto o Timão se contentou com os R$ 20 milhões destinados ao vice.

Agora, é consenso que o clube tem pouco tempo para sentir a derrota. Dono de uma campanha muito ruim no Campeonato Brasileiro, o time do Parque São Jorge pode, por exemplo, ser ultrapassado pelo Vitória, no domingo, no Barradão, caso perca para a equipe baiana.
 
      
 

 
  “Lógico, estamos a três quatro pontos da zona, preocupa, mas estamos conscientes, tristes hoje (quarta), amanhã (quinta) é vida nova, vamos disputar, mas estamos pensando para o ano que vem. Não é simples, mas viremos forte ano que vem”, afirmou o presidente Andrés Sanchez, que minimizou a ausência na Libertadores.

“Até 2007 ficamos anos sem Libertadores e o Corinthians sempre está brigando por títulos”, concluiu o mandatário, que mudou um pouco de visão sobre o caso. Antes de o Timão ser campeão, ele dizia que era necessário disputar o torneio várias vezes seguidas para que a conquista viesse. Com a provável ausência em 2019, o Timão não vai ter disputado a competição em três dos últimos seis anos.
 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: Tiago Salazar (Gazeta Esportiva)