& vbCrLfFrase da barra de menu desktop
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Léo Santos festeja chance na zaga do Timão

 
       
 

Após ser utilizado como zagueiro, Léo Santos deve ter chance na zaga na partida contra a Chapecoense, neste domingo: Vou poder mostrar ainda mais do que eu já mostrei

 
  Por:

Voz da Fiel

11/08/2018 10:06:55  
       
 
 
 
       
   Léo Santos festeja chance na zaga do Timão   
  Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians  
       
  Após ser utilizado como volante, Léo Santos deve voltar a ter uma chance na zaga do Corinthians para o jogo contra a Chapecoense, domingo, pela 18ª rodada do Brasileirão. Da dupla titular da defesa, Pedro Henrique está suspenso, e Henrique pode ser poupado após pedir para ser substituído nos acréscimos contra o Colo-Colo (CHI).

- A minha posição de origem é zagueiro, mas tenho qualidade, o professor confia em mim, posso jogar de zagueiro ou volante. Onde tiver oportunidade, vou aproveitar - afirmou Léo Santos, em entrevista coletiva nesta sexta-feira.

- Muda que eu vou poder mostrar ainda mais do que eu já mostrei por que eu tenho condições de estar de estar aqui e por que posso ser titular da posição - analisou o zagueiro.
 
      
 

 
  Léo Santos também analisou suas atuações no meio de campo. Ele foi utilizado no setor porque Ralf e Paulo Roberto não estavam à disposição.

- Tenho qualidade para isso, o próprio professor Osmar falou que eu tenho qualidade. Ele e a comissão me dando confiança, me sinto mais confortável para jogar e mostrar meu talento, tanto de volante quanto de zagueiro - disse.

O zagueiro ainda admitiu um foco maior na Libertadores da América e na Copa do Brasil. O Corinthians deve poupar jogadores para a partida de domingo.

- Não que não estamos dando atenção ao Brasileiro, mas querendo ou não o foco desvia um pouco para a Copa do Brasil e para a Libertadores. Acho que muda mais nessa questão de priorizar algumas competições - declarou Léo Santos, que disse estar 100% fisicamente.

- Eu estou bem, 100%, não estou cansado, sem dor. Se puder, jogo todos os jogos - afirmou.
 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: Guilherme Amaro (Lance)