& vbCrLfFrase da barra de menu desktop
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Jonathas irrita Corinthians e pode ter empréstimo abreviado

 
       
 

postura do jogador não agrada, e Timão busca outro camisa 9 para o ano que vem

 
  Por:

Voz da Fiel

09/11/2018 19:18:29  
       
 
 
 
       
   Jonathas irrita Corinthians e pode ter empréstimo abreviado   
  Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians  
       
  Autor do gol do Corinthians na derrota por 3 a 1 no último clássico contra o São Paulo, Jonathas não estará nem sequer no banco de reservas do Timão no Majestoso deste sábado.

A justificativa do técnico Jair Ventura para não relacionar o centroavante é que ele sentiu um incômodo muscular na última quinta-feira. Mas, mesmo que estivesse 100% fisicamente, Jonathas dificilmente estaria em campo neste sábado na Arena.

Nos treinos desta semana, ele chegou a ficar fora até mesmo do time reserva – que contou com Roger e, depois, Matheus Matias. Na última quarta-feira, sob forte chuva, enquanto Jair comandava um coletivo, o centroavante trabalhava em outro campo, ao lado de atletas pouco aproveitados ou que só poderão estrear em 2019, como Michel Macedo e Gustavo Silva.
 
      
 

 
  A diretoria do Corinthians está irritada com Jonathas. E não só por ele ter feito apenas um gol em nove jogos. A postura do atacante, visto como descompromissado, desagrada os cartolas.

Contratado em julho do Hannover, da Alemanha, Jonathas assinou com o Timão até o meio de 2019, mas pode ter o empréstimo abreviado.

O Corinthians cogita fazer a devolução do atacante, mas voltar para o clube alemão não é uma possibilidade que agrada ao atleta. Ele é agenciado por Carlos Leite, empresário que tem boa relação com a diretoria corinthiana.

Enquanto define o futuro de Jonathas, a diretoria corintiana já busca reforços para o ataque.

– A gente tem de dar tempo de adaptação aos jogadores, mas também não temos esse tempo todo, até pela paciência da torcida e da imprensa. A cobrança é grande, temos que sempre trabalhar para melhorar o mais rápido possível, qualificar o elenco, peças que precisamos repor. Mesmo sabendo que possuímos atletas aqui dentro que, com o tempo, vão atingir esse objetivo e entregar isso. Infelizmente, no futebol é visto só o resultado, então precisamos trabalhar nas duas pontas – declarou o diretor de futebol Duílio Monteiro Alves.
 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: Bruno Cassucci (Globo Esporte)