& vbCrLfFrase da barra de menu desktop
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Focado em meia e atacante de peso o Timão sonha com Thiago Neves

 
       
 

o jogador é sonho do Corinthians, que sabe das dificuldades em uma possível negociação. Meia é um dos principais jogadores do Cruzeiro e tem contrato até o fim de 2019

 
  Por:

Voz da Fiel

28/11/2018 09:12:26  
       
 
 
 
       
   Focado em meia e atacante de peso o Timão sonha com Thiago Neves   
  Foto: Reprodução/Internet/Voz da Fiel  
       
  O Corinthians segue de olho no mercado em busca de ao menos um meia e um atacante "de peso", que cheguem para ser protagonistas na próxima temporada. Um sonho da diretoria encabeçada por Andrés Sanchez é o meia Thiago Neves, que tem 33 anos e contrato com o Cruzeiro até o fim de 2019.

Apesar do sonho, o Timão sabe das dificuldades de uma possível negociação. Além do custo da operação, há outros fatores: Thiago Neves está adaptado a Belo Horizonte, é um dos principais jogadores do Cruzeiro e pensa em disputar a Libertadores do ano que vem pela Raposa.

O Cruzeiro, inclusive, negocia desde o início deste mês uma renovação de contrato e já teve reunião com o empresário Leandro Lima. Em entrevista ao site da Fox Sports, o agente disse que não chegaram propostas oficiais de outros clubes pelo meia.

- Não estou autorizado a falar sobre negociações. De Corinthians e de nenhum clube chegou nada. Ele tem contrato até o final de 2019, está feliz por lá. Por enquanto não tenho nada - afirmou o agente.
 
      
 

 
  Como a própria diretoria do Corinthians já externou, o objetivo é buscar reforços "prontos" para 2019. Para este ano, o Timão apostou em contratações de jovens e teve um fim de temporada decepcionante.

Até agora, o Corinthians acertou com quatro reforços. O lateral-direito Michel Macedo e o atacante Gustavo Silva já foram apresentados e treinam com o elenco.

O atacante André Luis se despediu da Ponte Preta no último fim de semana, enquanto o volante Richard, do Fluminense, deve ser anunciado após o Brasileirão.
 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: Guilherme Amaro (Lance)