& vbCrLfFrase da barra de menu desktop
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Fluminense espera receber ao menos 13 milhões por Sornoza

 
       
 

o meia Sornoza está perto de trocar o Fluminense pelo Corinthians

 
  Por:

Voz da Fiel

12/12/2018 08:10:20  
       
 
 
 
       
   Fluminense espera receber ao menos 13 milhões por Sornoza   
  Foto: UOL  
       
  Fluminense e Corinthians avançam nas conversas pela cessão de Sornoza ao clube paulista, e as partes caminham para um acordo quanto ao valor a ser desembolsado por 60% dos direitos do meia. Inicialmente, o Flu pediu 4 milhões de euros (R$ 17,6 milhões) pelo jogador. O clube alvinegro sinalizou com R$ 2,5 milhões de euros (R$ 11 milhões), mas os cariocas esperam receber ao menos 3 milhões de euros (R$ 13 milhões).

Caso o negócio seja concretizado, os tricolores vão receber quase o dobro do que teriam de pagar ao Independiente del Valle. Na época, o clube acertou a chegada do "Papá" por R$ 7 milhões, mas ainda deve parcelas aos equatorianos. Caso feche a transação com os alvinegros, o Fluminense paga a sua dívida e ainda fica com um dinheiro em caixa para reinvestir.

Apesar de ter contrato com o Fluminense até dezembro de 2019, o meia vê com bons olhos uma transferência no momento. Na disputa pelo equatoriano, o Corinthians está à frente do Vasco, por exemplo, que demonstrou interesse, mas nunca abriu negociações pelo jogador.
 
      
 

 
  Nas conversas com o Flu, não está descartada a inclusão de jogadores do Corinthians no negócio. O Alvinegro tem muitas moedas de troca no elenco, incluindo o retorno de 18 atletas que estavam emprestados nesta temporada. Um avanço nesta direção facilitaria as tratativas, e espera-se nas Laranjeiras que ao menos um atleta corintiano seja incluído.

Sornoza jogou 54 partidas nesta temporada e anotou quatro gols. No Brasileirão, especificamente, foram 26 atuações com um gol, uma assistência e 84% de aproveitamento nos passes. Em média, o jogador criou 2,2 chances de gol por jogo.

A necessidade de um meio-campista se dá por vários fatores no Corinthians, incluindo dar uma "ajuda" e criar uma alternativa a Jadson. O camisa 10 fez ótimo ano e foi o artilheiro corintiano com 15 gols, mas já tem 35 anos e não pode jogar o tempo todo - em 2018, ele atuou em 51 das 72 partidas do alvinegro da temporada, estando em campo em cerca de 62% do tempo.

Tratados como alternativas, Araos, Mateus Vital e Clayson não tiveram o mesmo protagonismo de Jadson, de modo que a posição é tratada como uma das prioridades do Corinthians nesta janela de transferências.
 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: Diego Salgado (UOL)