& vbCrLfFrase da barra de menu desktop
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Corinthians sonda Gabigol, mas atacante prioriza volta à Inter

 
       
 

emprestado ao Santos, atacante também teve contatos "menos incisivos" de Cruzeiro, Grêmio e Palmeiras

 
  Por:

Voz da Fiel

05/12/2018 19:19:18  
       
 
 
 
       
   Corinthians sonda Gabigol, mas atacante prioriza volta à Inter   
  Foto: ESPN  
       
  O atacante Gabriel Barbosa, o Gabigol, de saída do Santos, recebeu sondagens de cinco clubes brasileiros nas últimas semanas. As mais incisivas partiram do Corinthians e de representantes de duas das chapas que disputam a eleição no Flamengo no próximo sábado. Cruzeiro, Grêmio e Palmeiras também buscaram informações sobre Gabigol.

Artilheiro do Campeonato Brasileiro com 18 gols, Gabigol tem contrato com a Inter de Milão e atuou nesta temporada pelo Santos por empréstimo. Gabriel, porém, não ficará na Vila Belmiro.

A prioridade de Gabigol, de 22 anos, é permanecer na equipe italiana – e o planejamento, por ora, é se apresentar ao clube no dia 7 de janeiro.

Uma conversa com a diretoria da Inter de Milão definirá o futuro do atacante. Se ele não for aproveitado, o plano será buscar uma nova equipe na Europa, seja por empréstimo ou numa transferência definitiva.

Jogar mais uma temporada no Brasil não está descartado. Explorar mercados como o da China ou de países árabes não está nos planos.
 
      
 

 
  Nas últimas semanas, intermediários tentaram uma aproximação com Gabigol em nome do Corinthians, mas as negociações não evoluíram.

Membros das duas chapas consideradas favoritas na eleição do Flamengo, encabeçadas por Ricardo Lomba e Rodolfo Landim, conversaram com representantes do atacante para saber a situação contratual e possibilidades de negócio.

Gabriel foi contratado pela Inter de Milão por cerca de 27 milhões de euros (aproximadamente R$ 100 milhões, à época) em 2016, pouco depois de conquistar a medalha de ouro na Olimpíada do Rio. O contrato com os italianos vale até 2021.

Com pouco espaço, foi emprestado ao Benfica e, ainda sem corresponder, voltou ao Santos no começo deste ano – o clube da Vila Belmiro pagou 1,7 milhão de euros (R$ 6,6 milhões) pelo empréstimo.

A diretoria santista chegou a traçar planos para manter o jogador – um cálculo de cerca de R$ 40 milhões para uma transferência definitiva –, mas esbarrou nos cofres vazios e na vontade de Gabigol de se firmar na Europa.
 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: Globo Esporte