& vbCrLfFrase da barra de menu desktop
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Corinthians pensa em reduzir elenco

 
       
 

diretoria se preocupa com o fechamento da janela em outros países após o fechamento da janela do Brasil para contratações de jogadores do exterior

 
  Por:

Voz da Fiel

14/07/2018 11:02:21  
       
 
 
 
       
   Corinthians pensa em reduzir elenco   
  Foto: Daniel Augusto Jr/Lance  
       
  Com 33 jogadores no elenco, o Corinthians pensa em diminuir esse número para o restante da temporada. Diretoria e comissão técnica, entretanto, adotam cautela por conta de possíveis saídas após o fechamento da janela de contratações do exterior. Caso isso aconteça, a opção seria buscar atletas com menos de sete jogos na Série A ou de divisões inferiores - mesmo assim, poderiam ficar fora da Libertadores ou Copa do Brasil se já defenderam seu antigo time na competição.

A janela brasileira de contratações do exterior fecha no dia 15 de agosto. Porém, nos principais mercados europeus, a janela fecha em 31 de agosto.

Mas outras janelas preocupam ainda mais o Corinthians. A janela da Arábia Saudita fecha em 23 de agosto, oito dias após a brasileira. Ainda há a dos Emirados Árabes Unidos, que fecha apenas em outubro.
 
      
 

 
  Em relação ao mercado brasileiro, o registro no Brasileirão pode ser feito até o dia 4 de setembro. Na Copa do Brasil, as inscrições terminam no dia 31 de julho. Já na Libertadores, é possível realizar trocas até 72 horas antes do jogo para ter condições de atuar em determinado mata-mata (é possível registrar até antes da semifinal).

Com esse cenário, o Corinthians tenta diminuir o elenco, mas também pensa em se precaver para possíveis saídas após o fechamento da janela brasileira. Foi assim que o Timão contratou o lateral-esquerdo Danilo Avelar por empréstimo do Torino (ITA), já que o clube imaginava perder Sidcley. Também por isso que o Corinthians chegou a negociar com o lateral-direito Michel Macedo, porque sabe que Fagner pode chamar a atenção de clubes estrangeiros.
 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: Guilherme Amaro (Lance)