& vbCrLfFrase da barra de menu desktop
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Confira dez viradas históricas do Corinthians

 
       
 

O Timão está em duas decisões de mata-matas, tendo a vantagem mínima pela Copa do Brasil e a desvantagem mínima pela Libertadores

 
  Por:

Voz da Fiel

13/08/2018 21:31:15  
       
 
 
 
       
   Confira dez viradas históricas do Corinthians   
  Foto: Reprodução/Internet/Voz da Fiel  
       
  O nosso Corinthians já provou várias vezes que a missão de reverter uma desvantagem em um confronto está longe de ser impossível. Confira uma lista de viradas históricas do Timão:

06/05/1984 - Corinthians 4 x 1 Flamengo - Pelas quartas de final do Campeonato Brasileiro daquele ano, os corintianos reverteram o resultado de 2 a 0 para o Flamengo do jogo de ida no Maracanã.

22/04/1997 - Atlético Paranaense 2 x 6 Corinthians - O clube paulista conseguiu o que parecia impossível e goleou o ótimo time paranaense - de Oséas e Paulo Rink - no Pinheirão, depois de perder por 2 a 1 no Morumbi pela Copa do Brasil.

22/12/1999 - Corinthians 0 x 0 Atlético Mineiro - Depois de perder no Mineirão o primeiro jogo por 3 a 2, o time paulista venceu por 2 a 0 no Morumbi e provocou a terceira partida na decisão do Campeonato Brasileiro daquele ano. Com o empate sem gols, os corintianos comemoraram o terceiro título brasileiro de sua história e o segundo seguido.

09/05/2000 - Corinthians 3 x 2 Rosário Central (4 a 2 nos pênaltis) - Na única vez que se classificou depois de perder a partida de ida na Libertadores, o Corinthians venceu o time argentino e se classificou nos pênaltis. Naquele ano, a equipe alvinegra tinha vencido o Mundial de Clubes da Fifa em janeiro e estava embalada.

04/12/2002 - Corinthians 3 x 2 Fluminense - O clube do Parque São Jorge perdeu o jogo de ida no Maracanã por 1 a 0 e venceu por 3 a 2 no Morumbi pela semifinal do Campeonato Brasileiro daquele ano. Com Parreira no banco de reservas e dois gols de Guilherme, o Corinthians chegou à final do torneio e já havia conquistado a Liga Rio-São Paulo e a Copa do Brasil daquele ano.
 
      
 

 
  06/04/2005 - Corinthians 5 x 1 Cianorte - No jogo de ida da primeira fase da Copa do Brasil, uma surpreendente goleada por 3 a 0 do até então desconhecido time paranaense. Os paulistas precisariam vencer por quatro gols de diferença no Pacaembu para se classificar e tomaram um gol logo no início depois de fazer 1 a 0. Mas o argentino Carlos Tevez comandou a virada corintiana e classificou a equipe à próxima fase.

30/04/2008 - Corinthians 4 x 0 Goiás - A equipe do Centro-Oeste venceu por convincentes 3 a 1 em Goiânia. Na época, o Corinthians estava na segunda divisão do Brasileiro e ser eliminado precocemente na Copa do Brasil poderia ser desastroso. Com mais de 50 mil pagantes no jogo de volta no Morumbi, o Corinthians goleou o Goiás.

28/05/2008 - Corinthians 2 x 1 Botafogo (5 a 4 nos pênaltis) - Depois de ganhar moral ao golear os goianos, o time corintiano venceu o São Caetano duas vezes nas quartas de final até encarar o Botafogo na semi. Derrota por 2 a 1 no Rio e vitória pelo mesmo placar em São Paulo levaram o jogo à vitória do Timão nos pênaltis.

29/04/2009 - Corinthians 2 x 0 Atlético-PR - Novamente contra os paranaenses pela Copa do Brasil, o Corinthians reverteu o placar adverso da partida de ida e avançou na competição, com dois gols de Ronaldo no Pacaembu. O time paulista foi o campeão daquele ano da competição.

Guardamos a melhor de todas para o final:

25/04/1971 - Corinthians 4 x 3 Palmeiras - Não foi um jogo de torneio mata-mata e nem uma virada em dois jogos, mas essa é uma das partidas mais importantes da história do clube alvinegro. Em 1971, o Corinthians vinha mal no Campeonato Paulista, não conquistava um título desde 1954 e ia pegar o forte time do Palmeiras, de Leão, Dudu e Ademir da Guia. Aos nove minutos já estava 2 a 0 para o time alviverde, depois de um gol aos 34 segundos. Mas o Corinthians voltou com garra para o segundo tempo, empatou em 2 a 2, tomou o terceiro e virou aos 43 minutos do segundo tempo naquele que é considerado um dos jogos mais emocionantes da história do clube e do Estádio do Morumbi.
 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: Voz da Fiel