& vbCrLfFrase da barra de menu desktop
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Clube espanhol negocia com agentes de Balbuena

 
       
 

Celta de Vigo, da Espanha, pode pagar a multa e levar o paraguaio nesta janela

 
  Por:

Voz da Fiel

06/06/2018 17:19:19  
       
 
 
 
       
   Clube espanhol negocia com agentes de Balbuena   
  Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians  
       
  O Celta de Vigo, da Espanha, é o mais novo candidato a contratar o zagueiro Balbuena, do Corinthians, que será titular nesta noite diante do Santos, às 21h (de Brasília), em Itaquera, pela décima rodada do Brasileirão, talvez pela última vez.

Nos últimos dias, o clube espanhol avançou nas conversações com os agentes do jogador, que consideram a opção como positiva, por se tratar de uma equipe que serviria como porta de entrada na Europa. O plano de Balbuena é defender uma grande equipe do continente.

À imprensa paraguaia, os empresários do jogador têm admitido a possibilidade de transferência nesta janela e garantem: o jogador, que sonha em ser titular da seleção paraguaia, irá priorizar a parte esportiva e não a financeira. Por isso, o interesse do Al-Hilal, da Arábia Saudita, não anima.
 
      
 

 
  Para tirar Balbuena do Corinthians, o Celta de Vigo terá de fazer um investimento baixo: cerca de 4 milhões de euros (em torno de R$ 17 milhões) por 100% dos direitos. Foi esse o valor fixado, por exigência dos agentes, na última renovação do atleta, firmada em abril, em contrato válido até 2021.

Em entrevista coletiva na terça-feira, na véspera do clássico contra o Santos, Balbuena foi perguntado se esse será seu último jogo pelo Timão, uma vez que o jogador irá se ausentar dos jogos contra Vitória e Bahia por conta do amistoso de sua seleção, diante do Japão.

Depois destes jogos, o Brasileirão será paralisado para a disputa da Copa do Mundo.

– Não sei, se eu falar alguma coisa vai aparecer que "o Balbuena falou que é o último jogo". Pode ser o último do Mateus Vital também, é difícil, velho. Não dá para prever. Não sei se eu vou estar vivo amanhã, depois de amanhã, domingo. Estou pensando em fazer um grande trabalho no jogo, é o meu pensamento e o dos meus companheiros também – disse o zagueiro de 26 anos, que deu entrevista ao lado de Mateus Vital e, apenas por isso, usou o colega como exemplo na resposta.
 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: Marcelo Braga (Globo Esporte)