& vbCrLfFrase da barra de menu desktop
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Cássio agradece força da torcida e freia empolgação por G6

 
       
 

Cássio entende que o foco do Corinthians é primeiro escapar matematicamente do Z4 e depois se possível pensar em algo maior no campeonato

 
  Por:

Voz da Fiel

28/10/2018 13:45:12  
       
 
 
 
       
   Cássio agradece força da torcida e freia empolgação por G6   
  Foto: Reprodução/Internet/Voz da Fiel  
       
  O goleiro Cássio, um dos principais nomes do atual elenco do Corinthians, com oito títulos conquistados desde que chegou ao Timão, lançou-se ao solo após o gol de Danilo, que deu a vitória ao clube contra o Bahia, na noite de sábado, em Itaquera. A imagem foi uma mostra da importância do 2 a 1 para o clube, em meio a uma seca de vitórias (já eram seis jogos sem triunfo no Brasileiro) e na busca por um final de ano digno.

“Fiquei muito feliz, no outro jogo a gente deixou escapar, fizemos um bom jogo contra o Vitória. Lógico, serve de aprendizado, tomamos um gol nos últimos minutos, hoje (sábado) conseguimos sair vitoriosos. Vale salientar a torcida, quanto mais chovia, mais gritava. Mostra o tamanho do Corinthians, tamanho da torcida”, comentou o camisa 12, que viu no alento da galera a força que faltava para a volta das vitórias

“É um momento difícil do clube, vindo de partida sem vencer, torcida apoiando, mais de 30 mil pessoas, semana chuvosa. Nós tentamos fazer o nosso melhor, às vezes vínhamos pecado nos detalhes. Acredito que nós merecíamos vencer a partida, pelo que apresentamos. Fomos efetivos e saímos bem satisfeitos com a vitória, continuou o arqueiro.
 
      
 

 
  Cássio, porém, é enfático ao frear a possível empolgação que venha a surgir com o triunfo dentro de casa. Para ele, o Timão tem muito o que fazer antes de pensar em alcançar uma vaga na Libertadores da América, principalmente enquanto ainda não atingir os 45 pontos na tabela de classificação.

“Jogo a jogo, não adianta a gente fazer cálculos. Temos que fazer cálculos para ficar longe da zona, mas se formos ganhando, a gente vai pontuando, tendência é encostar nas equipes de cima. Lógico, você almejar uma pré-Libertadores, não depende só de nos, contamos com os tropeços, os confrontos diretos… só que não adianta pensar em fazer 15, 20 pontos. Temos que pensar jogo a jogo, a cada partida ser uma decisão”, concluiu.

O Timão foi a 39 pontos conquistados, ultrapassou o próprio Bahia e agora está cinco pontos acima do Z4 no torneio nacional. Na próxima rodada, os comandados de Jair Ventura terão pela frente a equipe do Botafogo, em partida marcada para as 17h (de Brasília) do domingo, no estádio do Engenhão.
 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: Tomás Rosolino (Gazeta Esportiva)