& vbCrLfFrase da barra de menu desktop
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Carlos volta a ganhar chance no Corinthians

 
       
 

mais novo que Léo Santos, lateral-esquerdo faz seu terceiro jogo como titular do Timão

 
  Por:

Voz da Fiel

29/09/2018 08:32:01  
       
 
 
 
       
   Carlos volta a ganhar chance no Corinthians   
  Foto: Rodrigo Gazzanel/Agência Corinthians  
       
  Ainda novidade para os torcedores do Corinthians, o lateral-esquerdo Carlos Augusto, de 19 anos, fará seu terceiro jogo como titular neste sábado, às 19h (de Brasília), diante do América-MG, no Independência, pela 27ª rodada do Brasileirão. Ele tem outros dois saindo do banco.

Titular no empate sem gols contra o Atlético-PR, em Itaquera, e na derrota por 2 a 1 contra a Chapecoense, em Chapecó, ele substitui Danilo Avelar, poupado pela comissão técnica.

Nascido em Campinas em 7 de janeiro de 1999 e com sete anos de clube, Carlos é o jogador mais jovem do elenco profissional – mais novo até que o zagueiro Léo Santos, também titular em Belo Horizonte, que completa 20 anos no dia 9 de dezembro.

Por isso, dar atenção ao que dizem os jogadores mais rodados tem sido parte de sua rotina.

– É um grupo maravilhoso para se trabalhar. Os mais experientes têm me dado conselhos, conversado sobre como é vestir essa camisa, e eu tento absorver ao máximo para aproveitar esses momentos. Eles tentam ajudar os mais novos da melhor forma possível, brincam com todos e isso ajuda bastante – afirmou Carlos.

Bem utilizado em agosto com Osmar Loss, Carlos volta a ganhar uma chance após 50 dias – a primeira com Jair Ventura. No início do mês, ele se ausentou de algumas semanas de treinamento para amistosos da seleção sub-20 no México, em preparação para o Sul-Americano de 2019.
 
      
 

 
  Com a promoção para o profissional, convocações para a seleção brasileira sub-20 e jogos de Brasilerão, Carlos viveu ainda uma inesperada situação na temporada, quando jogou por cerca de dois minutos na derrota do Corinthians para o Colo-Colo, no Chile, pelas oitavas de final da Taça Libertadores, tendo de substituir o experiente zagueiro Henrique nos instantes finais da partida.

– Esse ano de 2018 tem sido o mais especial para mim, as coisas têm acontecido muito rápido: convocações, jogos no profissional... Tenho que estar preparado. Dou o meu melhor todos os dias, trabalho firme para aproveitar as oportunidades ao máximo. Quero mostrar muito à torcida corinthiana – destacou.

Campeão da Copa São Paulo de 2017 na reserva de Guilherme Romão e titular na edição deste ano, Carlos Augusto é tratado como promessa pela comissão técnica, sendo constantemente elogiado pelo auxiliar Dyego Coelho. Além de lateral-esquerdo, pode jogar também como zagueiro.
 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: Marcelo Braga (Globo Esporte)