& vbCrLfFrase da barra de menu desktop
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Boa atuação em clássico anima diretoria e elenco do Corinthians

 
       
 

o desempenho diante do São Paulo em Itaquera leva paz para o dia a dia no CT

 
  Por:

Voz da Fiel

11/11/2018 09:22:37  
       
 
 
 
       
   Boa atuação em clássico anima diretoria e elenco do Corinthians   
  Foto: Marcos Ribolli/Globo Esporte  
       
  O Corinthians não venceu, mas convenceu. No empate por 1 a 1 contra o São Paulo, em Itaquera, em jogo em que Danilo teve um gol não validado e outras polêmicas com a arbitragem roubaram a cena, o técnico Jair Ventura, o elenco e a diretoria celebraram uma mudança de postura do time.

– Hoje é só parabéns. Uma pena que não saímos com a vitória, que seria muito importante para nós pelo que deixamos dentro de campo. A gente sai triste porque não foi um resultado justo – disse o técnico Jair Ventura em sua entrevista coletiva.

O elenco alvinegro saiu fortalecido com o desempenho na partida. Com o rival muito mais bem colocado na classificação e atuando por 45 minutos com um jogador a mais, a sensação final foi de que é possível manter um futebol mais ofensivo nas rodadas finais do campeonato.
 
      
 

 
  – Fizemos um bom primeiro tempo, jogamos muito bem, era o primeiro tempo que a gente queria, de pressionar na frente, deixar o São Paulo atrás, chegamos ao gol com o Danilo, a arbitragem infelizmente não deu, depois fizemos o gol com um jogador a menos, tentamos segurar, mas levamos o gol de empate. O time demosntrou muita garra, muito coração – afirmou Romero.

Na visão da diretoria, o próprio treinador saiu fortalecido da partida, já que mostrou para os torcedores que é capaz de enfrentar grandes equipes e apresentar um futebol melhor. Em 14 jogos, o desempenho em números ainda é ruim: são três vitórias, cinco empates e seis derrotas.

Agora com 40 pontos, na 11ª posição, o Corinthians ainda está sob risco de queda para a Série B, mas a diretoria calcula que mais cinco pontos são suficientes para salvar o time do segundo rebaixamento de sua história.

Dos cinco jogos pela frente, dois são em casa: contra o Vasco, no próximo sábado, e diante da Chapecoense, no dia 25. O elenco folga neste domingo e volta ao trabalho na segunda.
 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: Marcelo Braga (Globo Esporte)