& vbCrLfFrase da barra de menu desktop
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Avelar admite dificuldade com calendário

 
       
 

o lateral esquerdo Danilo Avelar tem na condição física talvez seu maior diferencial com relação a outros laterais

 
  Por:

Voz da Fiel

28/08/2018 07:55:16  
       
 
 
 
       
   Avelar admite dificuldade com calendário   
  Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press  
       
  já que possui 1.84m e força incomum para alguém que atue na sua posição. Nem mesmo a boa forma, porém, foi o suficiente para evitar que a sequência de jogos a que ele foi imposto desde que chegou a Corinthians o deixasse surpreso.

“Foi um fator bem diferente”, comentou o defensor, em entrevista. O atleta relembrou, aliás, que fez em apenas dois meses de Timão, desde a apresentação durante a Copa do Mundo até o último final de semana, mais jogos do que o realizado no primeiro semestre, no futebol francês.

“Na França isso só acontece uma época do ano quando tinha Copa com o Nacional, aí era uma semaninha com três jogos e acabou. Outra daquela só dali dois meses. Então é bem diferente, aqui eu joguei em dois meses praticamente o que eu joguei em um ano na França”, observou Avelar, que participou de 14 jogos pelo clube até o momento, contando amistosos, contra 13 pelo Amiens-FRA.
 
      
 

 
  “São muitos jogos, tem que dar importância em relação ao corpo, alimentação. Mas, com todo o suporte que me deram aqui, consegui me adaptar melhor a esse ritmo de jogos”, comentou o canhoto, poupado em duas oportunidades nesse período, contra o Atlético-PR, na Arena, e a Chapecoense, em Santa Catarina, ambas pelo Campeonato Brasileiro.

Assim como o restante do elenco, Avelar agora volta as suas atenções para a Copa Libertadores da América, motivo para ele ter mais uma das “semaninhas” no Brasil. O rival será o Colo-Colo, pela partida de volta das oitavas de final da competição continental.

Aliviado após a vitória por 1 a 0 sobre o Paraná, no último final de semana, o Alvinegro tem a missão de reverter a derrota sofrida em Santiago, na primeira partida, quando foi superado pelo placar mínimo. Para avançar no tempo normal, precisa abrir uma diferença de no mínimo dois gols. Novo 1 a 0 leva a decisão para os pênaltis, enquanto qualquer outro resultado dá a vaga aos visitantes.
 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: Tomás Rosolino (Gazeta Esportiva)