& vbCrLfFrase da barra de menu desktop
Logo Voz da Fiel Titulo mobile
       
 

Aprendizado no Santos faz Jair mudar estratégia para reta final

 
       
 

Jair Ventura deverá ser conservador em utilizar times alternativos na reta final

 
  Por:

Voz da Fiel

28/09/2018 10:35:06  
       
 
 
 
       
   Aprendizado no Santos faz Jair mudar estratégia para reta final   
  Foto: Reprodução/Internet/Voz da Fiel  
       
  A chegada à final da Copa do Brasil pelo Corinthians trouxe à tona a questão de com a decisão pela frente e uma situação ainda não confortável na Série A, o Timão irá poupar atletas no Campeonato Brasileiro? O próprio técnico do clube do Parque São Jorge, Jair Ventura, respondeu ao questionamento utilizando sua experiência passada, no Santos.

“Sofri um pouco no Santos, porque fizemos quatro, cinco jogos com times alternativos, já que tínhamos decisões a serem disputadas. Acabei perdendo esses jogos, e aí quando saí do Santos, vi que meu percentual (de aproveitamento) era baixo, fora o fato do trabalho não ter sido bom. Ao mesmo tempo, alcancei o primeiro lugar da Libertadores e garanti a classificação às quartas de final da Copa do Brasil. Quando você corre riscos de entrar com time alternativo, você pode perder, já que não há o entrosamento que o time principal tem, mas há a necessidade de descansar os jogadores titulares também”, analisou o comandante do Timão, antes de dar sua resposta definitiva.
 
      
 

 
  “Reavaliaremos toda a situação, pois trata-se de uma final, mas não podemos abrir mão do Campeonato Brasileiro, que é muito difícil principalmente nesta reta final. É sentar com o departamento de fisiologia, ver quem está apto e preservar os que precisam para o nosso grande objetivo, que é o título para o Corinthians”, detalhou.

Jair Ventura também revelou estar extraindo o máximo dos jogadores no elenco do Timão devido ao cenário em que o time se encontra na temporada. De acordo com o treinador, maior poder financeiro dos rivais da equipe paulista impõe a situação.

“Estamos extraindo o máximo de nossos atletas para competir com as equipes que fizeram grandes investimentos e que trouxeram reforços no pós-Copa. É importante ver o quanto os jogadores estão comprometidos com o clube”.
 
      
   
 

 
 
Avaliação desta notícia vai para: Voz da Fiel