VOZ DA FIEL

    Aqui é o lugar onde a Fíel Torcída é ouvída de verdade

       
  Incerteza com Sidcley e Juninho em baixa  
       
  Segundo Thiago Ferri (Lance), enquanto o atual titular tem contrato até o fim do ano e sua permanência é considerada complicada, o reserva não vive bom momento. Clube deve anunciar reforço nesta semana  
  Por: Voz da Fiel 19/06/2018 08:32:13  
       
 
 
 
    
     
  Foto: Lance  
       
  Perto de ser confirmado no Timão, Danilo Avelar vem de uma temporada com 25 jogos e um gol marcado pelo Amiens, da França. Ele voltou a jogar com frequência após realizar apenas 11 partidas entre 2015 e 2017 pelo Torino (ITA), clube com o qual tem contrato. Os italianos já o emprestaram para a equipe francesa e devem cedê-lo mais uma vez, agora ao Corinthians.

Danilo realizará na tarde desta terça exames médicos pelo Timão e, se aprovado, será anunciado como reforço alvinegro. O lateral-esquerdo de 29 anos assinará até julho de 2019 e chega para uma posição em que Osmar Loss já conta com Sidcley e Juninho Capixaba. O primeiro é titular e tem jogado bem, mas seu futuro é incerto, enquanto o segundo está devendo.

Emprestado pelo Atlético-PR até dezembro, Sidcley tem 26 jogos em 2018 e três gols marcados. O jogador de 25 anos de idade se firmou, mas o Timão sabe que terá trabalho para mantê-lo. Isto porque a cláusula para compra de seus direitos econômicos é de 3 milhões de euros (cerca de R$ 13 milhões). O valor é considerado alto pela diretoria.

Uma opção para diminuir a quantia é envolver no negócio Camacho e Guilherme, corintianos emprestados ao Furacão. Os dois clubes, contudo, ainda não trataram desta possibilidade.
 
      
 
 
 
     
  Juninho, de 20 anos de idade, foi uma aposta depois de chamar a atenção pelo Bahia, no ano passado. O Timão pagou R$ 6 milhões e ainda cedeu o goleiro Douglas ao Tricolor de Aço, mas o rendimento do lateral está abaixo do esperado.

Ele participou de apenas dez jogos no ano e convive com críticas, especialmente pela dificuldade para marcar. Chegou a ficar três meses sem atuar e voltou no empate com o Sport, no fim de maio - novamente foi criticado. Na última partida antes da pausa para a Copa do Mundo, entrou no segundo tempo da derrota para o Bahia, por 1 a 0.

Quanto a outros reforços, a diretoria corintiana diz que segue atenta às "oportunidades de mercado" e que irá em busca de mais contratações para repor possíveis saídas na janela de transferências.