VOZ DA FIEL

    Aqui é o lugar onde a Fíel Torcída é ouvída de verdade

       
  Gigantesco! Cássio é herói no Timão  
       
  Segundo Guilherme Amaro (Lance), Gigantesco! Cássio é herói no Timão e levanta seu terceiro troféu
Corinthians venceu o Palmeiras por 1 a 0 no tempo normal e por 4 a 3 nos pênaltis. Goleiro brilhou e vê o time da capital paulista ser bicampeão
 
  Por: Voz da Fiel 08/04/2018 19:28:26  
       
 
 
 
    
     
  Foto: Marco Galvão/Lance  
       
  Jogador do Corinthians que mais atuou, com 18 partidas, decisivo na semifinal e herói na decisão do Paulistão... Não à toa Cássio foi o escolhido para ser o capitão da equipe na partida contra o Palmeiras. O goleiro defendeu dois pênaltis e deu ao Timão o 29º título estadual. Ele é um gigante, e não por causa do seu 1,96m de altura.

Cássio foi importante não só nas cobranças de pênaltis, mas sim durante toda a partida. Ele não errou nas saídas de bola e conseguiu afastar o perigo da área quando foi exigido. Após a partida, elogiou seus companheiros e também a torcida, que lotou a Arena Corinthians no treino de sexta-feira.

- Mais um título. Mesmo tendo perdido em casa, nosso time nunca desconfiou que poderia vencer. É uma emoção muito grande. Agradeço à Fiel pela festa na sexta-feira. A torcida faz mais coisa que nos surpreende. Estamos muito felizes, parabéns. Batemos pênalti com qualidade. Estamos de parabéns, por todo o comprometimento. Só quero agradecer mesmo - disse Cássio, emocionado após conquistar seu oitavo título pelo clube.
 
      
 
 
 
     
  Experiente, aos 30 anos, Cássio não sentiu o peso da final. Ele já havia sido frio durante a semifinal, quando defendeu também dois pênaltis contra o São Paulo e garantiu a vaga do Corinthians na decisão do campeonato.

Assim, Cássio deixou o Allianz Parque sendo o herói. O goleiro levantou seu terceiro troféu pelo Corinthians. Já havia sido capitão nas conquistas do Paulistão e Brasileirão no ano passado.

Cássio se consolida como um dos principais goleiros do Brasil e está de olho na disputa da Copa do Mundo. Após um 2016 com falhas e até no banco de reservas, o goleiro faz sua segunda temporada como um dos pilares da equipe.

Ele tem se acostumado a ser decisivo para o Corinthians, e até por isso não deve sentir o peso da final. O goleiro foi um dos melhores jogadores nos principais títulos do clube: Libertadores e Mundial em 2012. Seis anos depois, Cássio não para de colecionar taças. Sorte do Timão, que tem seu goleiro decisivo e com contrato até o fim de 2021.